Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 05/05/2016 | 16h15

Tratores puxam venda de máquinas para cima em abril

No acumulado do ano, porém, o segmento mantém recuo superior a 40%

MÁRIO CURCIO, AB

As vendas de máquinas agrícolas e rodoviárias em abril somaram 2,9 mil unidades e registraram alta de 4,9% em relação a março. O crescimento foi alavancado pelos tratores de rodas, cujas 2,6 mil unidades repassadas à rede no mês registraram acréscimo de 15,1% sobre o mês anterior. No acumulado do ano, porém, o volume total de equipamentos agrícolas e rodoviários vendidos à rede somou 9,5 mil unidades, uma queda de 40,8% ante os mesmos quatro meses de 2015. Os números foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

- Veja aqui os números da Anfavea

Chama a atenção a queda de venda de colheitadeiras no acumulado do ano, 20,6%. As montadoras do setor aguardam agora os desdobramentos da Agrishow, principal feira agrícola do País, que terminou em 29 de abril: “Todas as fabricantes levaram lançamentos e uma grande diversidade de modelos. Não é possível avaliar quanto, mas a feira certamente terá impacto positivo nas vendas de maio e junho, afirma a vice-presidente da Anfavea, Ana Helena de Andrade.

A executiva recorda também que os novos “planos safras” foram anunciados nesta semana. O Mais Alimentos manteve a taxa de 5,5%. No Mais Agricultura as taxas tiveram alta de 1 ponto porcentual, passando de 7,5% para 8,5% e de 9,5% para 10,5%. Ambos os planos entram em vigor em 60 dias.

PRODUÇÃO CRESCE 36,9% EM ABRIL

A produção de máquinas em abril somou 3,8 mil unidades e cresceu 36,9% sobre abril. A alta acentuada se explica pela retomada de algumas linhas que estiveram paradas para ajustes de estoque. No acumulado do ano foram montadas 11,2 mil máquinas, volume 46,8% menor que o dos mesmos quatro meses de 2015.

Os tratores de rodas tiveram 8,7 mil unidades montadas e queda de 46,2%, pouco menor que a do segmento como um todo. Com pouco mais de mil unidades, montadas, as colheitadeiras tiveram importante queda de 32,6%. As máquinas também sofrem com o menor volume de encomendas decorrentes de grandes obras de infraestrutura. A produção de tratores de esteiras recuou 24,3% e a de retroescavadeiras, 62,5%.

MERCADO EXTERNO EM BAIXA

De janeiro a abril foram exportadas 2,5 mil máquinas agrícolas e rodoviárias, registrando queda de 23,3% ante os mesmos quatro meses de 2015. Neste quadrimestre foram embarcados 1,5 mil tratores de rodas, anotando retração de 26,6%. Dos segmentos de maior volume, a redução mais expressiva ocorreu para os tratores de esteiras: 409 unidades no acumulado e retração de 30,3%.

Os números fracos para o mercado externo ainda refletem a grande dependência das exportações para a Argentina.

Confira, em vídeo, o balanço dos resultados da indústria automotiva de janeiro a abril de 2016:



Tags: Máquinas, tratores, colheitadeiras, retroescavadeiras, tratores de esteiras, Anfavea, Ana Helena de Andrade, Agrishow.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência