Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Venda de motos cai 9,5% em abril

Mercado | 03/05/2016 | 19h45

Venda de motos cai 9,5% em abril

Retração nos emplacamentos do quadrimestre já é próxima de 13%

MÁRIO CURCIO, AB

O varejo de motos em abril somou 93,5 mil unidades emplacadas, registrando queda de 9,5% em relação a março, mês com mais dias úteis. A média diária de emplacamentos continua abaixo de 5 mil unidades. No acumulado do ano foram licenciadas 379,6 mil unidades. O volume é 12,7% menor que o de igual período de 2015 e muito parecido com o registrado dez anos atrás, no primeiro quadrimestre de 2006. Os números foram divulgados pela Fenabrave, federação que reúne as associações de concessionárias.

- Veja aqui os números da Fenabrave

A retração obrigou a associação a rever suas projeções. Em vez de 4,1%, a queda estimada ante 2015 agora é de 5%, o que deve resultar em 1,21 milhão de unidades licenciadas até o fim do ano. Um dos motivos para o fraco desempenho do setor continua sendo a restrição ao crédito. A taxa de aprovação das fichas é de 15% a 16% apenas, “a menor de todos os segmentos”, segundo o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.

De acordo com a Abraciclo, associação dos fabricantes do setor de duas rodas, a queda em 2016 passará dos 12% se descontados os emplacamentos de ciclomotores usados, que vêm distorcendo os registros do Renavam por causa de uma alteração no Código de Trânsito Brasileiro, que desde o fim de 2015 obriga a lacração desses veículos em todo o Brasil.

Esses emplacamentos geraram também um grande salto na participação do Nordeste no segmento de duas rodas porque a Região é grande consumidora de ciclomotores. Um ano atrás o Nordeste tinha 36% de participação nos licenciamentos de motocicletas novas e mantinha vantagem de cerca de dois pontos porcentuais sobre o Sudeste. Em 2016 a representatividade do Nordeste nos licenciamentos de motos saltou para mais de 40%, com vantagem superior a dez pontos porcentuais sobre o Sudeste.



Tags: Motos, ciclomotores, Alarico Assumpção Júnior, Fenabrave, Abraciclo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência