Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Volare mostra miniônibus Cinco, com chassi próprio
Linha dedicada ao modelo tem capacidade para até 40 unidades diárias

Lançamentos | 15/02/2016 | 18h47

Volare mostra miniônibus Cinco, com chassi próprio

Fabricante investiu mais de R$ 180 milhões em projeto e linha de produção

REDAÇÃO AB

A Volare promete para este primeiro semestre o miniônibus Cinco, um modelo com chassi próprio e capacidade entre 13 e 20 passageiros a ser produzido na fábrica de São Mateus (ES). “O projeto custou cerca de R$ 80 milhões. Ele será montado em um novo galpão com 20 mil metros quadrados onde investimos mais de R$ 100 milhões”, afirma o diretor-geral da empresa, Gelson Zardo. A capacidade instalada é para 35 a 40 unidades por dia.

Como veículo de cinco toneladas de Peso Bruto Total (PBT), o modelo será beneficiado pela linha Finame. “Ainda não temos preços definidos, mas a intenção é que sejam competitivos em relação a Renault Master e Mercedes-Benz Sprinter”, diz Zardo. A Volare ainda não divulga ficha técnica completa do veículo, que tem altura máxima (considerando o ar-condicionado) próxima a 2,8 metros. As dimensões internas reveladas incluem altura de 1,93 m e largura de 1,91 m.

O motor será o Cummins ISF 2.8 de 140 cavalos Euro 5. Haverá versão Euro 3 para exportação. A transmissão escolhida foi uma Eaton de cinco marchas. A Dana fornecerá os eixos dianteiro e traseiro. A ideia de fabricar o próprio chassi em vez de comprá-lo da Agrale ou Mercedes teria vindo da necessidade de redução de peso e melhor adequação ao projeto: “Normalmente encarroçamos os chassis, mas desta vez precisávamos ‘enchassizar’ uma carroceria”, afirma o diretor de engenharia e design Roberto Poloni. Ele estima 300 a 400 quilos a menos no peso final pela utilização da estrutura dedicada ao novo veículo.

A carroceria é produzida com material plástico pelo processo SMC, iniciais de Sheet Mouldind Compound, que faz a pré-conformação a quente da resina, das fibras de reforço e outros componentes empregados, resultando em peças mais leves, uniformes e bem-acabadas que as de fibra de vidro convencionais. A nova geração do jipe Troller T4 lançada em 2014 também emprega esse processo.

A Volare fará versões de turismo, fretamento e escolar, para 13, 16 e 20 passageiros, respectivamente. “Poderá haver equilíbrio nas vendas das três versões ou volume um pouco maior para a de turismo”, estima Zardo. Automotive Business entrou numa unidade para 13 passageiros. Chamam a atenção a facilidade de acesso, a largura do corredor, a grande área envidraçada e o desenho atual do painel de instrumentos. O espaço traseiro para bagagens e os maleiros internos são generosos.

O modelo tem motor dianteiro e tração traseira. A lista de equipamentos terá rádio, navegador GPS, DVD player, câmera de ré e entradas USB e para cartão SD. A arquitetura eletrônica de chassi e carroceria conta com projeto interligado desenvolvido pela engenharia da Volare.

A fabricante pretende enviar o novo modelo para países como Peru, Chile e Colômbia. “Também queremos exportá-los, a partir de outubro, para a África do Sul”, diz o diretor-geral. O Volare não divulgou projeções de vendas durante a apresentação prévia do modelo por causa da retração de mercado, que no caso dos micro-ônibus foi de cerca de 60%, enquanto a queda média para os ônibus em 2015 foi de 38,9% em relação a 2014.



Tags: Volare, Gelson Zardo, Roberto Poloni, São Mateus, SMC.

Comentários

  • marcos domingos

    somos da associacao de van escolar de Itajai aprovei estamos supreso com esta novidade e esperamos participar deste lancamento em breve aguardamos respostas www.associacaoaprovei,com.br

  • Valdir de Souza

    Boa noite gostaria de saber o preco de um escolar desse modelo e também atura e comprimento e se ele já vem adaptado para escolar gostaria que mandase foto de um escolar

  • MÁRCIO

    Gostaria de saber se esse veículo pode vir adaptado para Autoescola e qual o comprimento dele, se atende a legislação do Contran que estabelece 7,20 metros.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência