Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Lançamentos | 16/11/2015 | 19h35

Discovery Sport Diesel terá 60% das vendas

Nova opção de 190 cv do Land Rover surge com preço inicial de R$ 218,1 mil

MÁRIO CURCIO, AB | De Resende (RJ)

Desde o fim de outubro as 42 concessionárias Land Rover passaram a vender o modelo Discovery Sport Diesel, com motor 2.2 turbo de quatro cilindros e 190 cavalos. O preço inicial é de R$ 218,1 mil. A versão mais completa chega a R$ 270,7 mil. Segundo estimativa da Jaguar Land Rover, no primeiro ano de vendas a nova opção deve representar cerca de 60% das vendas do Discovery Sport e ajudará a montadora a atingir suas metas de eficiência energética.

Em parceria com o Banco Alfa a Land Rover conseguiu um seguro de R$ 5,8 mil para o novo modelo. “Também fizemos um plano de manutenção para cinco anos de R$ 1,9 mil”, afirma o gerente de produtos Jaguar Land Rover para a América Latina, Vinícius Frata.

O Discovery Sport começará a ser feito no Brasil pouco após o início da montagem local do Range Rover Evoque, prevista para o primeiro trimestre de 2016. Estes são os dois modelos mais vendidos do grupo no Brasil. Até outubro o Evoque teve quase 3,5 mil unidades emplacadas e o Discovery Sport, 1,6 mil.

Automotive Business avaliou o novo modelo a diesel por cerca de 750 quilômetros. Destes, 140 km foram rodados em estradas de terra com trechos bem lentos e várias travessias de riachos. Segundo a fabricante, o utilitário esportivo acelera de zero a 100 km/h em 8,9 segundos e atinge 188 km/h de velocidade máxima.


Discovery Sport será montado no Brasil em 2016. Conforto em qualquer terreno é um dos destaques do carro. Câmbio de nove marchas tem seletor giratório no console central e aletas para trocas de marcha atrás do volante.

A estabilidade é um dos destaques do carro. A carroceria se inclina muito pouco em curvas por causa do Controle de Estabilidade Antirrolagem, presente desde a versão de entrada. O conforto é garantido por suspensões bem acertadas e pelos bancos revestidos de couro. O Discovery Sport leva cinco pessoas e tem como opcional uma terceira fila de bancos para mais dois passageiros.

Outro ponto alto é o silêncio. Como seu câmbio automático ZF tem nove velocidades, é possível andar a 120 km/h com o motor girando a apenas 1,6 mil rpm. As trocas de marcha são feitas por aletas atrás do volante. No console central há um botão giratório em vez da alavanca seletora.

Durante o teste só dava para lembrar que o carro tinha motor a diesel no trecho fora de estrada, rodando com os vidros abertos. O ruído metálico típico desses propulsores vinha acompanhado de um leve assobio da turbina.

A facilidade de dirigir o Discovery Sport em piso escorregadio vem do Terrain Response, recurso eletrônico com programas específicos para rodar em grama, cascalho, neve, lama e areia, além de um ajuste padrão.

AÇÃO DE MARKETING CONSUMIU PERTO DE R$ 2 MILHÕES


Jaguar Land Rover construiu 42 cabanas de madeira no Parque Nacional do Itatiaia para a expedição Discovery Sport. (foto: Mário Curcio)

A apresentação do carro à rede de concessionários e também à imprensa resultou na Expedição Discovery Sport. O evento teve bem mais que um test drive. Incluiu até a construção de 42 cabanas de madeira dentro do Parque Nacional do Itatiaia: “Foram gastos quase R$ 2 milhões. A equipe envolvida diretamente com o evento tem 50 pessoas”, afirma o gerente de marketing e experiência da Jaguar Land Rover para a América Latina, Marcos Saad. O acampamento foi montado em dois dias numa área a 2,4 mil metros acima do nível do mar.



Tags: Land Rover, Discovery, Sport, Vinícius Frata, Marcos Saad, Banco Alfa.

Comentários

  • Junior Teixeira

    Uma honra ter feito parte desse trabalho com a organização técnica da Trailway! MARIO, ótima matéria, PARABÉNS!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência