Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 04/09/2015 | 17h45

Volkswagen inaugura fábrica de motores na Rússia

Com aporte de € 250 milhões, capacidade é de 150 mil unidades/ano

REDAÇÃO AB

O Grupo Volkswagen inaugurou na sexta-feira, 4, uma fábrica de motores na Rússia, na cidade de Kaluga, localizada no extremo oeste do país, onde a montadora possui um complexo industrial para a montagem de automóveis. Com investimento de € 250 milhões, a unidade que demorou três anos para ficar pronta produzirá o novo motor a gasolina EA211 1.6 que equipará os modelos VW Polo e Skoda Rapid, produzidos em Kaluga, além dos VW Jetta e Skoda Octavia e Yeti, fabricados em parceria com o Grupo GAZ, com sede em Nizhny Novgorod, próximo a Kaluga.

A nova fábrica ocupa uma área de em uma área de 32 mil metros quadrados e tem capacidade para produzir 150 mil motores por ano e gerou cerca de 400 empregos na região. Com a unidade, o grupo cumpre os termos do contrato adicional ao Decreto 166 lançado pelo governo russo em maio de 2011 determinando que a partir de 2016 pelo menos 30% dos veículos produzidos na Rússia deverão ser equipados com motores também fabricados localmente.

“Com a nossa moderna nova planta, nós estaremos fornecendo motores produzidos localmente para os nossos veículos fabricados em Kaluga e Nizhny Novgorod. Vamos, portanto, não só aumentar o conteúdo local dos nossos carros, mas também torná-los mais acessíveis para o nossos clientes russos”, declarou o gerente geral do Grupo VW na Rússia, Marcus Osegowitsch.

O ex-presidente da Volkswagen no Brasil e atual membro do conselho de administração para a marca responsável por componentes, Thomas Schmall, também acompanhou a inauguração: “O desenvolvimento da Volkswagen em Kaluga - começando com a planta de veículos e continuando com a fábrica de motores - simboliza a força desta região. Pretendemos continuar esse desenvolvimento no futuro porque acreditamos no potencial considerável oferecido pela indústria automobilística russa”.

Segundo a empresa, a nova fábrica apresenta características de produção eficiente com o uso de tecnologias que permitirão a redução do uso de água na produção. A empresa investiu € 8,6 milhões em tecnologias que promovem a maior qualidade de manufatura dos motores. Por outro lado, o próprio motor EA211 1.6 segue padrões de melhor eficiência: o peso os níveis de emissões de CO2 foram reduzidos em 10% com relação ao seu antecessor.

Os funcionários da nova fábrica passaram por treinamento conforme as diretrizes so sistema mundial integrado da Volkswagen: em Kaluga, 60% dos empregados já concluíram uma formação em outras fábricas do grupo, por exemplo, na principal planta da Skoda em Mladá Boleslav, na República Tcheca, ou nas fábricas alemãs de motores em Chemnitz e Salzgitter ou ainda em Polkowice, na Polônia. Segundo a empresa, o objetivo também é ampliar e fortalecer as relações com os fornecedores locais: uma proporção significativa dos componentes necessários para o novo motor deve ser adquirida de empresas locais.

Além da Volkswagen, a Ford também cumpre o decreto a abre sua fábrica de motores na Rússia (leia aqui).



Tags: Volkswagen, investimento, fábrica, motores, Rússia.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência