Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias
Rolls-Royce lança Ghost Series II por R$ 2,9 milhões

Lançamentos | 24/03/2015 | 17h45

Rolls-Royce lança Ghost Series II por R$ 2,9 milhões

Mais esportivo, modelo quer trazer proprietário de volta ao volante

VICTOR FRANÇOIS, AB

A Rolls-Royce lançou no Brasil, na terça-feira, 24, a segunda geração do Ghost, considerado seu carro de “entrada”. A atualização do modelo, chamada de Ghost Series II, parte de impressionantes R$ 2,9 milhões e, por enquanto, a marca tem apenas uma unidade para pronta entrega no país. Essa atualização traz singelo toque de esportividade e, com isso, pretende atrair o proprietário a conduzir o carro. Segundo dados da empresa, 80% dos donos da primeira versão do Ghost no mundo dirigem o próprio veículo. A montadora oferece o carro em duas versões, a normal e a estendida, considerada “semi-limusine”.

Outro atrativo que novo Ghost traz ao Brasil para incentivar os proprietários a conduzirem o automóvel é o motor que vem com todos os seus 563 cavalos de potência em 6.6 litros V12 biturbo e câmbio automático de oito marchas. Para acelerar de zero a 100 km/h o modelo leva apenas 4,9 segundos e a velocidade máxima, limitada de fábrica, chega a 250 km/h. Na parte de fora, pouca coisa mudou, como ajustes na grade dianteira, que subiu 13 milímetros e os para-choques, que ganharam linhas mais suaves em relação ao antecessor, “quadradão”, além das medidas, que fazem com que a segunda geração seja mais alta, mais larga e mais robusta. O carro também conta com iluminação diurna por LED.

Internamente o veículo oferece conforto e tecnologia padrões da Rolls-Royce, com itens como duas telas de 10,2 polegadas para os passageiros do banco traseiro, sistema de áudio Bespoke desenvolvido pela própria montadora com 18 autofalantes (sendo dois no teto), 2 subwoofers e 7 tweeters, além de vir com câmera frontal noturna que identifica corpos através do calor. Outra novidade é a transmissão por satélite, sistema parecido com o utilizado pelos bólidos da Fórmula 1, que lê as condições de asfalto, prevê mudanças no curso do carro e ajusta automaticamente as marchas mais adequadas para cada condição de terreno e modo de condução. O sistema, no entanto, ainda não está disponível para o Brasil bem como os mapas de navegação.


Esquerda: interior e exterior do novo Ghost Series II; Direita: os executivos Milton Chameh, gerente comercial da Rolls-Royce Motor Cars São Paulo e Brett Soso, diretor das regiões Oriente Médio, África e América do Sul

De acordo com Milton Chameh, gerente comercial da Rolls-Royce Motor Cars São Paulo, a expectativa da marca para o mercado brasileiro é excelente mesmo com as dificuldades econômicas do país, com desvalorização do real e instabilidade política. “Esperamos entregar de 10 a 15 unidades por ano de todos os modelos, um número interessante para nós. Nosso público-alvo tem enorme poder aquisitivo e, de certa forma, se blinda das instabilidades”, comemora o executivo, que afirmou que em 2014 a montadora trouxe ao Brasil 12 veículos.

O Ghost Series II já está disponível para venda e as encomendas podem ser feitas na loja de São Paulo, que demoram tempo mínimo de seis meses para entregar o carro.

PASSADO E FUTURO

Em 2014 a Rolls-Royce entregou globalmente 4.063 unidades de todos os 7 modelos que oferece, 14% acima do resultado de vendas do ano anterior e quinto recorde consecutivo de vendas da marca.

Para Brett Soso, diretor das regiões Oriente Médio, África e América do Sul, a marca continuará em ritmo de crescimento. “2014 foi o ano que a Rolls-Royce mais vendeu em toda sua história de 111 anos e, globalmente, tivemos um resultado fantástico. Este ano e 2016 devem ser fortes, em que batalharemos para novamente bater nossos recordes anteriores”, comemora o executivo. Segundo Soso, o novo Ghost será um divisor de águas para a marca, como foi o primeiro quando lançado, em 2009, no Salão de Genebra. “Estamos oferecendo um veículo que tem mais de 44 mil possibilidades de personalização, não há qualquer Ghost igual a outro no mundo inteiro”, afirma.



Tags: Rolls-Royce, Rolls Royce, Ghost, Ghost Series II, Brett Soso, Milton Chameh.

Comentários

  • melquiades rodrigues

    Sem dúvida nenhuma o carro é maravilhoso, tive a oportunidade de vê-lo na rua, e, depois circulando, é uma estrela que brilha em um universo escuro, é absoluto, nenhuma outra coisa se compara, é a supra sumo da aquisição, é o momento em que, nele se reúnem todas as suas vontades e concretização de todas conquistas. Acredito que, no momento da aquisição você se sente pleno de si mesmo, em todos os sentidos, como pessoa, como ser e como profissional. Pretendo comprar um - tão logo tenha disponibilidade de meios.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência