Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Autopeças | 28/01/2015 | 10h27

Otimista, Labortex projeta crescimento em 2015

Empresa de produtos de borracha quer avançar 25% no faturamento

PAULO RICARDO BRAGA

A Labortex Indústria e Comércio de Produtos de Borracha começa a trabalhar em 2015 com uma boa dose de otimismo. A empresa, especializada no fornecimento de buchas, coxins e mangueiras, pretende faturar este ano 25% a mais do que em 2014. Honda Motos, Honda Automóveis e Mann Hummel são os principais clientes, responsáveis por 27% das encomendas.

A Labortex atende também a Mercedes-Benz, Ford, PSA (na Argentina), Federal Mogul, Sogefi e Sodecia e tem planos para conquistar novos clientes, especialmente aqueles que já eram atendidos no passado. “A ideia é investir bastante em relacionamento, oferecendo soluções ao mercado”, define Roberto Carelli, que acaba de assumir a posição de diretor comercial. Engenheiro pela Mauá, com pós-graduação em marketing e vendas pela ESPM e 23 anos de atividade na indústria automobilística, ele registra passagens pela Melling, Faurecia, Emcon, Meritor, Magneti Marelli (escapamentos), Siemens VDO, Maxion, Brosol e Forin.

Com unidade industrial em Santo André, SP, a Labortex possui 490 funcionários, dos quais 25 estão alocados em manufatura, engenharia e processo. A empresa pertence à holding São Joaquim, dona da Inylbra (tapetes), da Fazenda Cachoeirinha, em Casa Branca, SP, que cultiva látex, e administradora de empreendimentos como shopping centers.



Tags: Labortex, Honda, Mercedes, Ford, PSA, produtos de borracha, autopeças.

Comentários

  • carlos sciarretta

    Queria parabenizar a equipe que conduz a Labortex atualmente. Pois fui funcionário técnico . De desenhista projetista até assistente tec. da Gerencia de manutenção por 15 anos nesta empresa. (desde a época do Italianos sr. Luigi Apra e Umberto Olivieri ) Depois sendo vendida para o Grupo Continental. Os maquinários para produção são modernos e eficientes, gerando com isso alta produtividade e um lay out de fluxo de produção e material eficientes . Sem contar com a automação das injetoras REP francesa. Parabéns !!! Carlinhos .`.

  • Carlos

    Depois desta notícia a fábrica fechou suas portas que fiasco!!!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência