Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Lançamentos | 26/01/2015 | 16h02

BMW começa a trazer versão 2015 da S 1000 RR

Com preço a partir de R$ 75,9 mil, moto está mais potente, segura e leve

REDAÇÃO AB

A BMW começa a trazer ao Brasil a versão 2015 da S 1000 RR. A moto chega em fevereiro com preço sugerido inicial de R$ 75,9 mil. O motor produz agora 199 cavalos, seis a mais. Segundo a fabricante, as modificações resultaram em ganho aerodinâmico e eficiência ciclística. Os dois faróis continuam assimétricos, mas as diferenças de desenho e tamanho entre um e outro causam menos estranheza que na geração anterior.

O painel de instrumentos traz as informações em uma tela de alta resolução. Entre os opcionais para a moto há rodas de alumínio forjado 2,4 quilos mais leves que as originais. Bolsa traseira, para-brisa mais alto, protetores de manete, de motor e peças de fibra de carbono para a carenagem serão vendidos como acessórios.

Além de mais potente, o motor tem mais força disponível a partir de 4,5 mil RPM por causa de mudanças no mapeamento da injeção eletrônica, no cabeçote e no desenho dos dutos de admissão. O escape também foi modificado a fim de ajudar na eficiência do motor.

O acelerador adota o sistema ride-by-wire. O piloto consegue usá-lo com mais leveza do que no método tradicional, por cabos de aço. A nova esportiva também está mais leve. A engenharia conseguiu reduzir seu peso de 208 para 204 kg com o uso de novos materiais.

A suspensão eletrônica adaptativa (DDC) recebeu atualizações e está mais rápida e sensível. O sistema, que já era considerado um grande diferencial do modelo HP4, analisa as condições de aderência do piso e inclinação da moto, entre outros parâmetros, para estabelecer diferentes padrões de amortecimento, tornando o conjunto mais rígido ou macio, conforme a utilização.

Os recursos eletrônicos da moto estão interligados e permitem que o piloto escolha um entre três modos de pilotagem de série, "Rain", "Sport" e "Race". Como opção está disponível o pacote "Pro", com os modos adicionais "Slick" e "User" (modo personalizado), para adaptação às circunstâncias.

O shift assistant, já disponível no antigo modelo, foi melhorado. O sistema agora permite que o piloto suba ou desça marchas sem precisar utilizar a embreagem, o que torna a pilotagem mais rápida e segura. Na versão mais completa a BMW oferece manoplas aquecidas, piloto automático e indicador de direção por LEDs.



Tags: BMW, S 1000 RR, fibra de carbono, ride-by-wire, DDC.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência