Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Venda de novos perde espaço em São Paulo

Mercado | 06/10/2014 | 18h37

Venda de novos perde espaço em São Paulo

De 2007 a 2013 a alta na cidade foi de 6%, ante média nacional de 53%

MÁRIO CURCIO, AB

Enquanto municípios com menos de 5 mil habitantes tiveram alta de 142% nos licenciamentos entre 2007 e 2013, os emplacamentos de veículos leves zero-quilômetro na cidade de São Paulo cresceram apenas 6% neste mesmo intervalo. Em todo o País, a média de licenciamentos cresceu 53%. Os números foram revelados em um estudo elaborado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), que confirma importante interiorização da frota.

- Veja aqui o estudo completo

“As vendas que ocorrem em São Paulo são basicamente para substituição”, afirma o presidente da entidade, Luiz Moan. “O estudo foi feito para localizar o potencial de vendas e identificar oportunidades”, diz. “Nas cidades com mais de 100 mil e menos de 500 mil habitantes, a renda per capita cresceu entre 45% e 55%”, diz.

“A partir dessas informações, os governantes podem elaborar seus planos diretores”, recorda Moan.

O estudo também mostra o contraste dos licenciamentos nas capitais e interior das cinco regiões geográficas. Enquanto as capitais do Nordeste tiveram alta de 31,8% nos emplacamentos de 2007 a 2013, nas cidades do interior o acréscimo foi de 110,6%.

Como comparação, as capitais e cidades do interior do Sudeste registraram, respectivamente, altas de 22,9% e 57,9%.

Em todo o Brasil, entre 2010 e 2013 a média de habitantes por veículo leve recuou de 7,6 para 5,4. Na região metropolitana de São Paulo baixou de 4,2 para 3,3 habitantes por veículo. Em outras regiões metropolitanas a redução foi de 6,7 para 4,7 pessoas por veículo.



Tags: São Paulo, vendas, licenciamentos, emplacamentos, Anfavea, Luiz Moan.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência