Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
BMW 320i nacional chega em outubro
BMW 320i Active Flex: primeiro a ser produzido em Araquari

Indústria | 11/09/2014 | 21h11

BMW 320i nacional chega em outubro

Linha de montagem final em Araquari começa a produzir no dia 30

PEDRO KUTNEY, AB

No dia 30 de setembro está previsto para sair da fábrica de Araquari (SC) o primeiro BMW brasileiro, mas ainda com forte sotaque alemão, pois só a montagem final está pronta para entrar em operação, com a maioria das partes ainda importada. Por enquanto, as carrocerias já vêm armadas e pintadas da Alemanha. “Desde março já foram montados e desmontados diversos carros pré-série, para ajustar os processos, mas a primeira unidade para ser vendida fica pronta no fim deste mês”, explica Arturo Piñeiro, presidente do Grupo BMW Brasil. A inauguração oficial da planta está marcada para 9 de outubro próximo.

Nesta fase, só uma das três áreas de produção, a montagem final, entra em operação. As outras duas, de soldagem/funilaria e pintura, só começam a funcionar em meados de 2015. Mas mesmo depois disso os quatro modelos BMW (Série 3, Série 1, X1 e X3) e um da Mini (Countryman) que serão feitos em Araquari terão altas doses de componentes estrangeiros. Todas as chapas virão estampadas da Alemanha, pois não haverá setor de estamparia aqui. Motores e transmissões também serão todos importados, com incorporação de agregados na planta catarinense.

As obras de construção da fábrica ocorrem em ritmo acelerado. A inauguração vai acontecer apenas 10 meses após a cerimônia de assentamento da pedra fundamental, em dezembro de 2013, quando só a terraplanagem estava feita e não havia nenhum prédio pronto (leia aqui). “Tínhamos decidido instalar a fábrica no Brasil bem antes do Inovar-Auto, mas precisamos aguardar a publicação da legislação. Depois que saiu aceleramos o processo”, conta Piñeiro.

O primeiro carro a ser produzido em Santa Catarina será um modelo da Série 3, o 320i Active Flex. Depois dele o plano é introduzir um novo veículo na linha de montagem a cada três meses. “Estaremos produzindo todos os cinco que prometemos fazer a aqui até o fim de 2015”, diz o executivo. Será quando todos os 1,3 mil empregados deverão estar trabalhando na fábrica, que já tem 400 pessoas contratadas até o momento.

ATRASO NO MERCADO PREMIUM

Piñeiro avalia que o potencial máximo de produção da fábrica de Araquari, de 32 mil unidades/ano, deverá demorar para além de 2016 para ser alcançado, pois o tamanho do mercado de carros premium – disputado por marcas de luxo como Audi, Mercedes-Benz, Jaguar, Land Rover e a própria BMW –, também deverá demorar um pouco mais para crescer. Atualmente essa porção representa cerca de 1,5% das vendas de automóveis no Brasil e os 3% só serão atingidos depois de 2018, projeta o executivo.

“O crescimento desse mercado será pequeno este ano”, diz Piñeiro, apontando que em 2013 foram vendidos 47 mil carros premium no País e em 2014 a previsão da BMW é de 49,5 mill, o que representaria expansão em torno de 5%. “Acho que as vendas só vão ser retomadas após as eleições. Vemos muitos dos nossos cliente adiando a compra por causa de incertezas sobre a economia”, revela.

Na avaliação de Piñeiro, 2015 também será um ano de baixo ou nenhum crescimento, pois ele espera que alguns ajustes econômicos deverão ser feitos. “Não vimos nos quatro anos do atual governo Dilma nenhuma medida para sustentar o crescimento. O País precisa de medidas para aumentar o investimento. PT foi heterodoxo na economia e esse modelo está esgotado”, disse.



Tags: BMW, 320i, Araquari, Santa Catarina, fábrica, investimento.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência