Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 09/09/2014 | 15h55

Audi comemora resultados de vendas no Brasil

Negócios dobram no acumulado e marca pode bater meta do ano antes do previsto

REDAÇÃO AB

Em linha com seu desempenho global positivo (leia aqui) a Audi comemora os resultados de vendas no Brasil: entre janeiro e agosto, entregou 8.449 veículos no País, um aumento de 110% sobre o volume registrado em mesmo período do ano passado. Considerando os negócios de agosto, que somaram 1.172 unidades, houve avanço de 11% sobre julho, mês imediatamente anterior, e crescimento de 59% com relação a igual mês de 2013.

Com uma previsão inicial de 10 mil unidades vendidas no País este ano, a Audi pode bater - e ultrapassar - sua própria meta dois meses antes do previsto, se manter a média mensal de vendas em 1 mil unidades. Com isso, o volume de 10 mil se torna conservador, diante da possibilidade de fechar 2014 com vendas acima das 12 mil unidades.

“Esse tem sido um ano no qual estamos registrando um ótimo desempenho de vendas no Brasil, seguindo uma tendência global da marca. Estamos comemorando nossos 20 anos de Brasil comercializando modelos de classe mundial e apresentando oportunidades interessantes de compra para o consumidor e isso tem se refletido no nosso volume de negócios”, justificou Jörg Hofmann, presidente e CEO da Audi do Brasil.

A renovação de seu portfólio no País realizada este ano é apontada pela Audi como um dos motivos para seu desempenho positivo no mercado doméstico. Só em 2014, foram apresentados aos clientes locais os modelos como RS Q3, o S3 Sportback (da família A3) e o RS7, um V8 de 560 cv, além do exclusivo A1 Kult e duas versões do A3 Sedan, versões 1.4 e 1.8.

Para Hofmann, o avanço dos negócios também foi um dos principais motivos que fizeram com que a Audi fosse eleita A Marca Mais Desejada na pesquisa da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores), realizada com os concessionários de todas as marcas do País. A escolha, feita entre maio e julho deste ano, teve a participação mínima de 25% das revendas de cada rede (leia aqui).

Atualmente, a Audi conta com 32 concessionárias no Brasil, onde pretende chegar a 60 revendas em 2017. O aumento da rede é parte do plano que a marca mantém no País, de dar maior suporte para a ampliação das vendas, que devem se intensificar a partir do segundo semestre de 2015, quando a Audi prevê o início de sua produção local, na unidade de São José dos Pinhais (PR), onde serão fabricados os modelos A3 Sedan e o SUV Q3, a partir do investimento de R$ 500 milhões já anunciados pela marca.



Tags: Audi, vendas, Jörg Hofmann, S3, A3.

Comentários

  • Carlos Michel

    Não estamos medindo esforços para conquistar os objetivos traçados pelo nosso presidente Jörg Hofmann, são objetivos ambiciosos porem atingíveis com garra e determinação de toda a equipe de vendas da Audi Brasil. Carlos Michel - Consultor de vendas Audi

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência