Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
JAC define nova data para fábrica no Brasil

Indústria | 05/09/2014 | 15h20

JAC define nova data para fábrica no Brasil

Obras devem começar em novembro; inauguração está prevista para 2016

REDAÇÃO AB

Após altas doses de desconfiança e rumores de que sua fábrica brasileira não sairia do papel, a JAC Motors decidiu divulgar uma nova agenda para a construção da planta de Camaçari (BA), que inicialmente deveria ficar pronta em 2014 (leia aqui) e depois foi adiada para meados de 2015 (leia aqui). A informação agora é que as obras serão iniciadas em novembro deste ano, segundo expectativas da empresa. A fabricação de veículos, de acordo com o novo calendário, deve começar no 1º trimestre de 2016.

Em comunicado distribuído na noite de quinta-feira, 4, a JAC informa que o investimento de R$ 1 bilhão no complexo industrial está mantido, bem como o volume a ser produzido, que será de 100 mil veículos de passeio ao ano, em dois turnos de trabalho, com 3,5 mil empregados diretos e 10 mil indiretos.

O anúncio foi feito apenas uma semana depois da inauguração das instalações industriais de outra montadora chinesa no Brasil, a Chery (leia aqui), denotando certa competição entre as duas marcas. Ambas enfrentaram dificuldades para adequar seus projetos ao Inovar-Auto e atrasos para montar a unidade brasileira, mas a Chery, embora tenha feito a inauguração ainda sem produção, ainda está bem à frente e deve iniciar a fabricação comercial de seus carros no País em dezembro, pois tem financiamento próprio, enquanto o empreendimento da JAC é bancado em sua maior parte pelo importador da marca, o Grupo SHC, que ainda busca recursos

Do total do investimento, a empresa informa que R$ 120 milhões serão concedidos pelo Estado da Bahia, via financiamento pela linha Desenbahia, para a primeira etapa de construção. A construtora responsável pelas obras civis do complexo industrial ainda não foi divulgada, pois a JAC ainda analisa as propostas no processo de licitação.

A JAC esclarece que, apesar do atraso da fábrica, ao longo dos últimos meses nunca foi suspenso o desenvolvimento dos três carros de passeio previstos para a unidade. Segundo a empresa, houve um trabalho paralelo entre a engenharia de produto e a viabilização do início das obras, obtendo todas as licenças ambientais e aprovações executivas do projeto.

“É verdade que alguns obstáculos postergaram esse início das obras, mas isso já foi superado. Vamos arregaçar as mangas e trabalhar ainda mais duro a partir de agora. Estamos muito entusiasmados”, afirma Sergio Habib, presidente da JAC Motors.

Segundo o comunicado, oito fornecedores já fecharam acordo com a JAC para fabricação dos veículos. O aço será fornecido pela Usiminas. A Valeo entregará os componentes elétricos. A Autolin fará os painéis de portas. A Plascar fabricará os para-choques. A Weldmatic fornecerá os subconjuntos soldados. A Tudor entrará com as baterias. A Hutschinson fará os acabamentos de borrachas. Enquanto a Plilkington será a fabricante de vidros.



Tags: JAC Motors, fábrica, inauguração, Sérgio Habib.

Comentários

  • Márcio Ferreira

    Os carros chineses,são vistos com muita desconfiança pelos brasileiros,e os da JAC não são diferentes.Aqui em BH,tinha 2 concessionárias,hoje tem uma só.A fábrica em construção na Bahia estava prevista o término para junho de 2014,e lendo o novo prazo,passaram para 2016, isto assusta.Por estas e outras, que os consumidores que compraram e os que pensam em comprar,ficam com a pulga atrás da orelha.A desvalorização é notória,algo em torno de 50%,mesmo assim para troca de um automóvel zero de marcas conceituadas.Acrescento que concessionária nenhuma compra carros da Jac para revenda,acredito que nem eles compram.Lamento esta situação,pois,concorrência se faz com qualidade,preço e credibilidade.

  • ricardo klein pedroso

    Sou proprietário de um j3 da Jac e percebi que em nada ele difere de qualquer veículo de passeio fabricado no Brasil. Ao contrário das marcas "tradicionais", a Jac ofereceu-me um carro muito mais completo e barato do que qualquer similar nacional. A desvalorização só assusta quem acha que automóvel é investimento. E sim, a Jac compra seu usado na troca por um mais novo. A garantia de seis anos ainda é a maior do mercado brasileiro. Somente o atraso na instalação da fábrica e o fechamento de concessionárias é razão de apreensão, pois com isso os serviços ficaram mais demorados. Percebi ainda que a manutenção do carro não é mais cara do que demais marcas do mercado.

  • Edvaldo dos Santos

    Eu tenho um Jac J3 à quatro anos, estou satisfeito com o carro, não me da manutenção, só a básica. em vez de falar mau da marca lembre-se de que se não fosse a Jac Motors investir no Brasil, todos nós continuaríamos a pagar muito mais caro pelos carros nacionais e sem qualidade; o que precisamos sim é que o governo e nós mesmos reconheçamos isso e incentive mais a construção da Fábrica da Jac no Brasil em Camaçari BA.

  • CARLOS SILVA

    ESTOU DECEPCIONADA COM O JAC MOTORS, MEU CARRO JÁ TEM MAIS DE 40 DIAS NA CONCESSIONÁRIA PARA TIRAR FERRUGE E NADA, SEM FALAR EM OUTRO 60 DIAS QUE FICOU LÁ ANO PASSADO. TOU FORA DESSA MARCA. NUNCA MAIS.

  • PAULINO HONORIO

    tenho um jac 3 turin 1.4 muito bom o carro completo exelente carro, boa estabilidade nas estradas é desenvolvimento muito bom , além de ser bem economico. O unico problema que encontrei foi à durabilidade de algumas peças de suspenção como o cochinho que mal chegou a 50000mil kilometros rodadados, e´ja vai ser trocado, mas não vejo isto como motivo para desacreditar na marca, só acho que precisa de melhoras na qualidade de algumas peças. principalmente com fonecedores de peças neste setores. é um pouco mais de agilidade no atendimento é assistencia tecnica com seus clientes. mas tudo isso é possivel solucionar. nos Brasileiros não podemos esquecer que até poucos anos os Brasileiros andavam em verdadeiras carroças como disse o ex presidente FERNANDO COLLOR DE MELLO.

  • Moacir Ferreira de Oliveira

    Adquri JAC 3 em 2011, os primeiros a chegarem ao Brasil, e anunciados pelo programa do FAUSTÃO, da TV Globo, que foi um bum no mercado. Comprei o automóvel na concessionária da Av Washington Luiz, Aeroporto. São Paulo/Brasil e rodei com ele até aos 30.000Km, só fazendo as revisões periódicas informadas pelo fabricante. Só tenho a dizer que fiquei muito satisfeito em possuir um automóvel completo, estiloso, econômico sem ter nenhuma pane, minto a única pane que houve foi o limpador traseiro , parar de funcionar mas fui a concessionária e fui bem atendido, disseram que iriam me ligar assim que a peça chegasse para efetuar a troca. Troquei pelo Novo JAC 3, modelo 2014, e já está com 16.000 Km , irei fazer em pouco tempo a revisão de 20.000 Km. E quando terminar de quitar o banco para aquisição do veículo, já estou de olho na SUV T6. E na espectativa da rápida inauguração da FÁBRICA JAC MOTORS BRASIL , no Estado da Bahia/Brasil. Abraços

  • VALDOMIRO OLIVEIRA

    Adquiri um JAC 3 turim 2011 e após 2 anos, troquei por um 2014, estou com ele até hoje e não tenho nenhuma reclamaçâo. Ao contrário do que algumas pessoas dizem sobre produtos chineses, estou satisfeito com a marca que alem do conforto que proporciona, tem ótima estabilidade. estou próximo da revisão dos 20.000 KM. pra quem quer um popular econômico e espaçoso, encontrará na JAC MOTORS.

  • Fabiano

    Cara ficar 40 dias para tirar ferrugem... leva em outra oficina quer fazer de "graça na garantia" dúvido vc tirar ferrugem na GM, FIAT e nem fala que eles não dão ferrugem pois dão, eu n moro em cidade litoranea e meus carros viviam dando, o j3 nunca deu. Alias na revenda me ofereceram uma ecoesporte e eu não aceitei, pois não tem 60% do conforto que o jac me oferece e o meu j3 tem 50 mil km rodados e 3 anos de uso. Na jac me ofereceram 26 mil e eu comprei por 35.

  • Willian

    Tenho um J3 desde 2012, e meu J3 nunca me deixou na mão, nunca deu nenhum problema ! É um excelente carro, muito completo, muito confortável, muito econômico, mesmo sendo 1.4, ele faz uma média de 12 kilometros com 1 único litro de gasolina, dentro da cidade de São Paulo-SP, que é muito cidade com transito lento e travado. O J3 da JAC MOTORS tem baixa manutenção, revisão muito barata em comparação á outros veículos importados, excelente desempenho tanto dentro de grandes cidades, assim como também nas estradas e rodovias tanto dentro como fora do Brasil. O único problema é que ainda não há fabrica no brasil, sendo assim, ás peças não são fabricadas no brasil e sim na CHINA e é moroso, tardio, retardio á chegada de peças que vem do outro lado do mundo! Fora, á falta de peças, do resto os carros da Jac Motors são ótimos, são baratos, econômicos, totalmente completo, muito confortáveis e extremamente confiáveis. Assinado: Proprietário de um J3 modelo 2012 muito satisfeito e muito feliz.

  • ANTONIO LUIZ DE CARIO

    EU TAMBEM TENHO, UM JAC3 ATE AGORA SO MIDEU MUITA ALEGRIA POR ISSO NA TROCA VOU OUTRO JAC3.

  • lidson

    Ford e Wolkswagen nos venderam por décadas, projetos velhos, comparando com os carros das matrizes, sempre maximizando lucros, e explorando o consumidor (associados aos governos que cobram os maiores impostos do mundo sobre carros) e entregando só o básico, bem caro, e atrasando entregas tecnológicas, em especial de segurança e baixo consumo. A história se repete (na França e EUA os carros estão passando para elétricos, híbridos, a hidrogênio, etc). (carros limpos). A fumaça vai ficar para o terceiro mundo (poluição). Capitalismo é ótimo desde que haja CONCORRÊNCIA de verdade, fiscalizada por governos sérios, quebrando cartéis e monopólios. É ótimo termos marcas novas. Boa sorte aos chineses. E que venham carros elétricos, limpos e baratos e carros que façam 20 a 30 km por litro! Brasileiro, acorda ! Temos direito a carros modernos, de baixo consumo, combustíveis limpos, e sem essa penca de impostos escorchantes!

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência