Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Indústria | 21/08/2014 | 17h39

GM do ABC celebra 84 anos e 6 milhões de carros

Nos anos 1930, fábrica de São Caetano montava carros americanos

REDAÇÃO AB

O complexo industrial da GM em São Caetano do Sul (SP) comemora neste mês de agosto 84 anos de atividades e a marca de 6 milhões de veículos produzidos. Segundo a fabricante, um Chevrolet Cobalt atingiu o sexto milhão de unidades.

A fábrica fica em um terreno de 290,5 mil metros quadrados e tem capacidade produtiva superior a 50 carros por hora. Começou a operar nos anos 1930 montando alguns poucos furgões por semana e de forma quase artesanal.

A implantação da GM no Brasil estava ligada à estratégia da companhia americana, de aproveitar as oportunidades que surgiam no exterior. O primeiro carro de passeio realmente produzido em São Caetano do Sul foi um Opala 1968.

A unidade de São Caetano do Sul passou por diversas expansões para poder acompanhar a modernização da linha Chevrolet no Brasil. Monza, Vectra e Omega também foram feitos nessa fábrica. Hoje são feitos fabricados ali os modelos Agile, Cruze hatch e sedã, Spin, Montana e Cobalt.

A General Motors tem hoje cinco fábricas no País, sendo três destinadas à montagem de veículos. Gravataí (RS, inaugurada em 2000) atingiu no mês passado 2,5 milhões de carros produzidos. Da planta de São José dos Campos (SP, datada de 1959) saíram até então pouco mais de 5,6 milhões de unidades.

Outras duas fábricas da companhia estão em Joinville (SC, para motores) e Mogi das Cruzes (SP, para itens de aço estampado de veículos novos e reposição).

FATOS HISTÓRICOS DA GM DE SÃO CAETANO DO SUL:

em agosto de 1930 é inaugurada oficialmente a fábrica de São Caetano do Sul como alternativa aos galpões que a GM alugava no bairro do Ipiranga (SP) para montar furgões;
em 1934 saía da fábrica o primeiro ônibus com carroceria de madeira feito no Brasil;
na metade daquela década era visível a consolidação da indústria em São Caetano do Sul, recebendo à sua volta crescente de casas, ruas e bairros onde boa parte dos trabalhadores morava. De área desabitada, o local virou município, emancipado em 1948;
durante a 2ª Guerra Mundial, a GM participou do esforço militar na produção de veículos e material bélico, tendo sido produzidos mais de 2 mil veículos a gasogênio para uso civil;
os ônibus tornaram-se, no pós-guerra, uma das demandas prioritárias do País. Em 1948 a GM produziu o primeiro deles com carroceria inteiramente metálica. Naquela época o Brasil tinha frota de 500 mil veículos, um em média para cada 100 habitantes;
em 1956 a companhia inicia um programa de nacionalização de caminhões;
em novembro de 1968 é lançado o primeiro carro de passeio Chevrolet produzido no Brasil, o Opala, com quatro portas. Para montá-lo, a fábrica passou por uma ampliação;
em setembro de 1979, a unidade de São Caetano do Sul comemora a produção do veículo de número 1,5 milhão;
em 1982 começa a fabricação do Monza, que chegou a ocupar o posto de carro mais vendido do Brasil, à frente de Gol e Fusca, apesar de se tratar de um sedã médio e não um modelo de entrada;
em abril de 1992 sai de linha o Opala, após 23 anos de produção e quase 1 milhão de unidades;
em novembro de 1993, durante a visita do então presidente mundial da General Motors Corporation, Jack Smith Jr., a GM comemora a produção do quinto milionésimo Chevrolet, um Vectra GSi, versão esportiva do modelo recém-lançado e também feito no ABC;
em setembro de 1998 é o Kadett que deixa de ser fabricado em São Caetano do Sul, dando lugar ao Astra, que seguiu em linha até 2011, assim como o Vectra;
de 2010 a 2011, São Caetano do Sul, uma reformulação permite a fabricação da nova picape Montana, do Cobalt e do Cruze Sedã;
em 2012 tem início a produção do Spin e do Cruze hatch;
em 2014 a unidade de São Caetano do Sul atinge 6 milhões de carros produzidos.



Tags: GM, General Motors, São Caetano do Sul, Opala, Monza, Cruze, Omega, Astra, Vectra, Kadett, São José dos Campos, Gravataí, Spin, Cobalt, Jack Smith Jr., gasogênio.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência