Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
New March brasileiro estreia competitivo

Lançamentos | 16/05/2014 | 20h40

New March brasileiro estreia competitivo

Nissan espera 3,5 mil unidades por mês concorrendo com HB20 e Etios

CAMILA FRANCO, AB | De Resende (RJ)

Após recente inauguração de sua fábrica no Brasil (leia aqui), chegou o momento da Nissan lançar seu primeiro produto no mercado nacional: o New March, hatch compacto que deverá competir diretamente com Hyundai HB20 e Toyota Etios, mas que promete se diferenciar ao entregar qualidade e amplo pacote de itens a preço acessível.

O valor do lançamento já confirma que a briga será acirrada no segmento, que representou 45% das vendas em 2013. A versão de entrada do New March, a 1.0 Conforto, sairá por R$ 32.990, e já é equipada de série com ar-condicionado, ar quente, banco do motorista com regulagem de altura, direção elétrica, airbags frontais, pneus nacionais com maior aderência e freios ABS com controle eletrônico de frenagem (EBD) e assistente de frenagem (BA).

A mais completa, 1.6 SL, será vendida por R$ 42.990, acrescida de ar-condicionado digital automático, acabamento em preto do painel, câmera de ré com imagem integrada ao display do rádio, rodas de liga leve de aro 16, sistema de navegação com GPS, entre outros.

A Nissan recebe encomendas do novo modelo desde o fim de abril. Sua expectativa é vender inicialmente entre 3 mil e 3,5 mil unidades do hatch por mês. A marca japonesa pretende ultrapassar os 35 mil emplacamentos já no primeiro ano de mercado.

“Do total vendido, 50% deverá ser de modelos 1.0 e os outros 50%, dos carros 1.6. Acreditamos que a versão topo de linha, 1.6 SL, corresponderá a 20% do total emplacado”, comenta Murilo Moreno, diretor de marketing da Nissan do Brasil.

O carro é pequeno (mede 3,8 m de comprimento por 1,6 m de largura), mas segundo François Dossa, presidente da Nissan, terá grande responsabilidade no Brasil. “O compacto vai ajudar bastante na conquista por market share no mercado brasileiro. O objetivo é passar dos 2% atuais para 3% ainda em 2014 e 5% até 2016. Mas, mais do que isso, queremos ser a primeira marca japonesa líder em qualidade no Brasil. O New March chega para introduzir esta mensagem.”

O New March começa a ser produzido no País com 60% de peças nacionais, mas a meta da Nissan é que 80% delas sejam feitas por aqui em até dois anos. Atualmente, a fabricante conta com seis parceiros japoneses instalados no seu complexo industrial: Sanolt (tubos de freio e de combustível), Calsonic Kansei (cock pit), Mitsui (corte de chapas), Tachi S (bancos), Yorozo (suspensão dianteira e traseira) e Kinugawa (guarnições de portas).

Segundo Wesley Custódio, diretor de produção da Nissan em Resende, mais empresas deverão se fixar em breve na área de 2,7 milhões de metros quadrados da fábrica, que hoje monta entre 120 e 150 carros por dia e que em junho deve atingir sua capacidade máxima de 270 March feitos diariamente (o equivalente a 30 deles por hora).

Nissan New March

MAIS MODERNO E ROBUSTO

Com a expectativa de ser o primeiro automóvel de jovens brasileiros, o New March mudou basicamente no visual e no conteúdo. Tiago Castro, gerente de marketing de produto da Nissan, conta que, na primeira clínica realizada para desenvolvimento do produto, consumidores disseram esperar do New March um interior mais sofisticado, mais espaçoso e com mais itens tecnológicos do que o oferecido na versão anterior. “Com base nestas críticas, decidimos investir nos pilares: confiança japonesa, design, tecnologia e dirigibilidade, sempre com foco no gosto dos brasileiros”, explica Castro.

Visualmente, o carro teve mudanças sutis de uma geração para a outra. A frente está um pouco mais agressiva, mas a traseira continua a mesma. Alguns detalhes chamam mais atenção no exterior, como o aerofólio com LED, maçanetas cromadas, e as rodas de 16 polegadas de liga leve na versão top. No interior, as mudanças foram maiores. Foram adotados novos materiais no painel, novo formato do volante e três diferentes tipos de acabamento para os bancos, agora mais acolhedores com espuma de alta densidade, apesar de continuarem pequenos. Fora isso, o hacth cresceu. Está 47 mm mais longo e 10 mm mais largo, mas ainda não acomoda cinco pessoas com conforto, o que não seria problema para o seu público alvo.

O seu conteúdo diferenciado é que poderá atrair consumidores jovens. Na versão mais completa, o New March conta com navegador com sistema Nissan Conecty, que, inédito no Brasil, permite o acesso à redes sociais e ao bluetooth para compartilhar músicas e realizar ligações. “Com este itens a preços acessíveis e a confiabilidade de um carro japonês, queremos fidelizar consumidores jovens e torná-los fãs da marca Nissan nos próximos anos no Brasil”, comenta Castro.

O motor flex 1.0 de 16 válvulas, que segundo a fabricante tem 74 cavalos de potência e vai de 0 a 100 km/h em 13,8 segundos, continua a ser montado com as mesmas características pela Aliança Renault-Nissan em São José dos Pinhais (PR). O 1.6, também de 16 válvulas flex, agora é feito no próprio complexo de Resende (RJ). Sua potência, de acordo com a fabricante, é de 111 cavalos e chega aos 100 km/h em apenas 9,5 segundos. Ambos os propulsores são classificados com nota A, a máxima, pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem do Inmetro.

No quesito dirigibilidade, o que mudou no New March foi a suspensão. Uma vez acertada para receber pneus de 16 polegadas, ela permite que a direção elétrica (que é de série em todas as versões) fique mais firme em altas velocidades, trazendo mais segurança ao motorista, principalmente nas estradas. Segundo a Nissan, a direção elétrica contribuiu para um consumo 5% menor do veículo. Outro ponto positivo é o raio de giro, de 4,5m, que permite manobrar com mais facilidade.

O prazo de garantia do New March é de três anos. Para adquiri-lo, além dos preços competitivos, a fabricante oferece por meio do Credit Nissan, seu parceiro financeiro, diversas formas de financiamento, como entrada zero ou até 60 meses para pagar. Outra novidade é a compra via consórcio.

Nissan New March

VELHO MARCH

O antigo March, que teve mais de 7,7 milhões de unidades emplacadas em mais de 100 países (em alguns deles é conhecido como Micra) não deixará de ser vendido no Brasil, pelo menos por enquanto. A Nissan continuará a importá-lo do México com motorização 1.0 e 1.6. A mais básica, segundo o diretor de marketing Murilo Moreno, deverá continuar custando a partir de R$ 28.490, quase R$ 5 mil mais barata do que a versão de entrada do New March. “Nós acreditamos que esta mais básica deverá continuar sendo a mais procurada da geração antiga. O cliente que deseja o 1.6 deverá buscar as novidades do New March, que chega bastante competitivo”, avalia o diretor.

PREÇOS DO NEW MARCH:

- 1.0 Conforto – R$ 32.990
- 1.0 S – R$ 34.490
- 1.0 SV – R$ 36.990
- 1.6 S – R$ 37.490
- 1.6 SV – R$ 39.990
- 1.6 SL – R$ 42.990

Por pintura metálica é cobrado adicional de R$ 990.



Tags: Nissan, New March, Resende, lançamento, compacto, hatch, HB20, Etios.

Comentários

  • Reinaldo Pimenta

    Agora entendi o valor o baixo é porque o carro é uma miniatura!!!! "O carro é pequeno (mede 3,8 mm de comprimento por 1,6 mm de largura)."

  • Marcio

    Muito boa reportagem, na minha opinião acho que comparado ao HB20 e o Etios o New March chegou com primeiramente um preço bem atrativo levando em consideração que se formos avaliar o HB20 topo de linha 1.0 versus o New March topo de linha 1.0 temos uma diferença de R$ 4.000,00 e os itens são praticamente os mesmos, e na motorização 1.6 a diferença é ainda maior chegando a quase R$ 10.000,00 com algumas diferenças como uma chave canivete e o sensor de estacionamento com o HB20 que o New March não tem, porém a Nissan inovou no segmento, trazendo câmera de ré, rodas de aro 16 e GPS com acesso a redes sociais que o HB20 não têm. O New March está no segmento dos "pequenos" realmente por isso conta também com o menor raio de giro, trazendo maior praticidade principalmente dentro das cidades. Aprovado o novo modelo!

  • Marcio Pucci

    Na minha opinião, comparado ao HB20 e o Etios o New March chegou com primeiramente um preço bem atrativo levando em consideração que se formos avaliar o HB20 topo de linha 1.0 versus o New March topo de linha 1.0 temos uma diferença de R$ 4.000,00 e os itens são praticamente os mesmos, e na motorização 1.6 a diferença é ainda maior chegando a quase R$ 10.000,00 com algumas diferenças como uma chave canivete e o sensor de estacionamento com o HB20 que o New March não tem, porém a Nissan inovou no segmento, trazendo câmera de ré, rodas de aro 16 e GPS com acesso a redes sociais que o HB20 não têm. E por ser um carro que está no segmento dos "pequenos" é o que tem o menor raio de giro, tornando a vida do motorista muito mais prática no dia-a-dia.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência