Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

AB | 02/05/2014 | 12h16

O novo papel de RH na indústria automobilística

Automotive Business promove fórum sobre estratégias na área de pessoal

REDAÇÃO AB

Estratégias na área de pessoal, desenvolvimento profissional, treinamento, remuneração, busca e retenção de talentos, utilização de novas tecnologias e mídias digitais, ambiente de trabalho, carreira em RH, legislação, produtividade e relações trabalhistas serão temas do II Fórum de RH na Indústria Automobilística que Automotive Business promoverá dia 19 de maio no Centro de Convenções Milenium, em São Paulo.

Ivan Witt, diretor da Steer RH, demonstrará na apresentação de abertura do fórum que a realidade na contratação de pessoal pela indústria automobilística tem mudado significativamente. “Os novatos preferem trabalhar no setor financeiro e outros segmentos em que as empresas oferecem um ambiente de trabalho mais moderno, desafiador, com melhor remuneração”, observa. Para ele, passou o tempo em que os engenheiros recém-formados faziam fila à espera de um contrato em empresas de autopeças e montadoras.

LEGISLAÇÃO

José Pastore, professor de relações do trabalho da FEA-USP, tratará da evolução na legislação e da influência da tecnologia no perfil dos postos de trabalho no futuro próximo.

Alexandre Furlan, presidente do Conselho de Relações do Trabalho na Confederação Nacional da Indústria (CNI), avaliará os tropeços da legislação sob o prisma da indústria automobilística, apontando os obstáculos à negociação coletiva. “A Justiça do Trabalho insiste em interferir nos instrumentos coletivos, invalidando as negociações e, dessa forma, desestimulando um mecanismo eficaz de entendimento entre empregador e trabalhadores”, afirma Furlan, criticando a premissa da chamada hipossuficiência do trabalhador, segundo a qual ele tem pouca ou nenhuma condição de negociar.

AUTOPEÇAS E MONTADORAS

A visão de recursos humanos na indústria de autopeças será debatida em painel com a presença de Adilson Sigarini, conselheiro e diretor de relações trabalhistas do Sindipeças e diretor de RH da ThyssenKrupp Brasil; Fernando Tourinho, diretor de RH da Bosch; Marco Galluzzi, vice-presidente de RH da Continental; Paulo Borba, diretor de RH da Navistar/MWM; e Simone Eichemberger, diretora de RH da Eaton.

Luis Landínez, diretor de RH da General Motors do Brasil, explicará como a corporação faz a gestão de sua força de trabalho e como enxerga as funções estratégicas da área de pessoal.

RH NA REDE

O avanço do e-Social será avaliado por Carlos Antonaglia, sócio-diretor, e Leonardo Biar, diretor, ambos da Ernst Young.

Patrícia Molino, sócia líder da KPMG na área de People & Change, analisará o avanço das mídias digitais na comunicação, seleção e treinamento de pessoal.

A equipe da FIA – Melhores Empresas, também estará presente no programa do fórum. Os professores da equipe de pesquisa que aponta as melhores empresas para trabalhar em levantamento conjunto com a revista Você S/A, da Editora Abril, vão apresentar os fatores que tornam as empresas mais atrativas para seus profissionais.

Zucca Paladino, diretor da Page Executive, fará a palestra de encerramento do fórum para tratar da evolução da remuneração e benefícios em empresas da indústria automobilística.



Tags: Fórum de RH, Steer, FIA, ThyssenKrupp, Sindipeças, Bosch, Continental, Navistar, Eaton, EY, GM, CNI, KPMG, Page Executive.

Comentários

  • Helio Contador

    Acho de extrema importância a realização deste evento, uma vez que, nos tempos atuais, o conceito de atração e retenção de pessoal qualificado mudou drasticamente em relação há alguns anos atrás. Outro fator de suma importância é o treinamento e aperfeiçoamento dos gestores, focando no desenvolvimento de competências e habilidades carentes. Helio Contador

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência