Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado | 07/01/2014 | 21h08

Ônibus: indústria retoma produção e vendas

Montagem nacional cresceu 9,5% e deve subir motivada pela Copa

MÁRIO CURCIO, AB

Num movimento semelhante ao ocorrido no mercado de caminhões, o segmento de chassis de ônibus recuperou-se em 2013. Com 32.914 unidades emplacadas, teve alta de 14,2% ante o ano anterior. Foi o segundo melhor da história, atrás somente de 2011, quando a antecipação de compras resultou em 34.638 unidades zero-quilômetro licenciadas.

A produção nacional somou 40.111 unidades, alta de 9,5% em relação a 2012. Um dos motivos para o bom desempenho do segmento foi o programa Caminho da Escola. Entre as fabricantes instaladas no Brasil, a que mais cresceu foi a Agrale. Com 5.828 unidades lacradas, experimentou alta de 64,8% sobre 2012. A Mercedes-Benz registrou o volume mais expressivo do segmento em 2013, com 13.661 unidades, um acréscimo de 7% sobre o ano anterior.

Os números foram divulgados pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), que vê espaço para alta também em 2014 por causa da Copa do Mundo. “Devemos crescer novamente este ano”, estima o vice-presidente da entidade, Luiz Carlos Moraes, também diretor de assuntos governamentais e comunicação da Mercedes-Benz. As condições de compra continuam semelhantes, mas agora com as taxas do Finame/PSI em 6%, não mais em 4,5% como em 2013.

EXPORTAÇÕES

De janeiro a dezembro de 2013 o Brasil enviou ao mercado externo 9.768 chassis, alta de 12% em relação a 2012. Assim como para os automóveis, a Anfavea espera para 2015 um crescimento consistente das exportações a partir das definições pelo governo do programa Exportar-Auto.

Veja aqui os dados da Anfavea.



Tags: Ônibus, caminhões, Anfavea, Caminho da Escola, Agrale, Mercedes-Benz, Luiz Carlos Moraes.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência