Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Duas Rodas | 16/12/2013 | 13h15

Motocicletas: consórcio supera vendas a crédito

Modalidade CDC perdeu participação em 2013 e recuou 16,9% em relação a 2012

MÁRIO CURCIO, AB

A venda de motos por consórcio de janeiro a novembro somou 446 mil unidades. A modalidade teve avanço discreto de 1,4% em relação ao mesmo período do ano passado, mas superou as vendas pelo Crédito Direto ao Consumidor (CDC), cujos negócios fechados no acumulado de 2013 somaram 443 mil motocicletas.

Os números foram divulgados pela Cetip, operadora do Sistema Nacional de Gravames (SNG), banco de dados que reúne o cadastro das restrições financeiras de veículos dados como garantia em operações de crédito. Na comparação com o período janeiro-novembro de 2012, o comércio de motocicletas por CDC teve queda de 16,9%.

Reunidas todas as formas de compra a prazo, que incluem leasing e outras modalidades, a retração nas vendas parceladas foi de 9%, superando o recuo de 8,3% nos emplacamentos de motocicletas no período. Assim, em tese, as vendas à vista cresceram no segmento como resposta à escassez de crédito.

KAWASAKI É A QUARTA ENTRA AS USADAS

A Cetip também revelou as marcas líderes em financiamentos em novembro. Entre as usadas, nenhuma surpresa no primeiro e segundo lugares, ocupados por Honda e Yamaha, nesta ordem. Em terceiro e quarto lugares, contudo, surgem Suzuki e Kawasaki. Harley-Davidson e BMW, vêm, respectivamente, em quinta e sexta posições. Como comparação, o emplacamento de motos zero-quilômetro em novembro tem seguintes companhias do primeiro ao sexto lugares: Honda, Yamaha, Dafra, Suzuki, Shineray e BMW. Entre as zero-quilômetro, a Kawasaki é a sétima colocada.



Tags: Motos, motocicletas, CDC, Cetip, gravames, consórcio, leasing, Honda, Yamaha, Suzuki, Dafra, Shineray, Kawasaki, BMW, Harley-Davidson.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência