Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 18/11/2013 | 18h00

Fiat terá cúpula para fornecedores na Argentina

Reunião marcada para março de 2014 será dirigida pelo CEO Sergio Marchionne

REDAÇÃO AB

Mais de 20 empresas do setor de autopeças da Argentina, todas fornecedoras do Grupo Fiat, participação de uma cúpula a ser realizada em março de 2014, em Córdoba, que será encabeçada pelo CEO da companhia, Sergio Marchionne. A reunião foi acordada entre o executivo e a ministra da Indústria argentina, Debora Giorgi, durante sua visita à Itália, na última semana.

Em seu encontro com Marchionne na sede da Fiat em Turim, Giorgi e o executivo concordaram com a importância de promover investimentos na Argentina e no setor de autopeças de componentes de motores, além de fornecedores de componentes para caminhões e máquinas agrícolas.

A ministra também participou de um seminário, organizado pela CNH Industrial, também em Turim, no CNH Industrial Village, no qual debateu oportunidades de negócios em seu país com representantes de 20 empresas italianas, que devem estar na cúpula agendada para o próximo ano. Participaram do encontro o CEO da filial argentina da Iveco, Natale Rigano, a responsável de compras globais da CNH Industrial, Annalisa Stupenengo, o presidente da CNH, Mario Gásparri e o CEO da Iveco, Franco Fusignani.

Em seu discurso, Giorgi destacou as expectativas para o mercado argentino neste ano: “Nossa indústria automotiva caminha para fechar 2013 como um novo ano recorde, de 920 mil unidades vendidas, uma produção de 875 mil automóveis e 9 mil caminhões, além da exportação de 500 mil unidades”.



Tags: MAN Latin America, chassis, ônibus, frotistas.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência