Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 31/10/2013 | 16h40

GM: receita cresce e lucro líquido cai para US$ 4,3 bi em nove meses

Companhia tem US$ 8,2 bilhões em caixa, US$ 900 milhões a mais do que no ano passado

REDAÇÃO AB

A General Motors apresentou relatório financeiro referente ao terceiro trimestre e o período de janeiro a setembro. Com vendas globais de 7,2 milhões de veículos no acumulado de 2013 (300 mil a menos do que no mesmo intervalo de 2012), a companhia registrou lucro líquido de US$ 4,3 bilhões nos primeiros nove meses do ano, o que representa uma queda de 12,2% contra os US$ 4,9 bilhões obtidos em igual período de 2012.

A retração é justificada pelo aumento de impostos pagos pela General Motors. Neste ano, as despesas tributárias da empresa somaram US$ 1,9 bilhão, ante US$ 814 milhões pagos de janeiro a setembro do ano passado. A desvalorização da moeda da Venezuela e a aquisição de ações preferenciais na Coreia também impactaram a liquidez da GM.

Desconsiderados os impostose despesas financeiras, o lucro operacional da empresa aumentou para US$ 7 bilhões nos nove meses, contra US$ 6,9 bilhões em igual período de 2012. O faturamento total também avançou, passando de US$ 112,9 bilhões para US$ 114,9 bilhões na mesma base de comparação.

A GM informa que tem US$ 8,2 bilhões em caixa, US$ 900 milhões a mais do que guardava no ano passado. Sua participação nas vendas do mercado global, que em 2012 era de 11,4% está em 11,5%.

TERCEIRO TRIMESTRE

Em nota, Dan Akerson, presidente e CEO da GM, considera que o desempenho no terceiro trimestre foi fundamental para os ganhos. "O intervalo de julho a setembro foi importante, pois conseguimos aumentar as nossas margens na América do Norte e a nossa participação global com a marca Chevrolet." “Houve forte demanda por novos veículos como o Cadillac ATS, Chevrolet Onix e o novíssimo Chevrolet Silverado", acrescentou Dan Ammann, vice-presidente executivo da General Motors.

No terceiro trimestre de 2013, o lucro líquido da companhia foi de US$ 700 milhões, queda significativa de 53,3% na comparação com o US$ 1,5 bilhão obtido no mesmo período do ano passado. O lucro operacional, por sua vez, somou US$ 2,7 bilhões, alta de 17,3% sobre os US$ 2,3 bilhões do terceiro trimestre de 2012. A companhia faturou US$ 39 bilhões de julho a setembro, US$ 2 bilhões a mais do que no mesmo intervalo de 2012.



Tags: GM, General Motors, balanço, lucro, Dan Akerson.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência