Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Duas Rodas | 07/06/2013 | 15h25

Motos: retração volta à cena no mês de maio

Período registrou queda tanto no atacado como na produção das fabricantes de Manaus

REDAÇÃO AB

Assim como ocorreu no varejo, as vendas de motos no atacado voltaram à retração em maio. O repasse das fabricantes de Manaus (AM) às concessionárias totalizou 149.605 motocicletas, queda de 6,1% em relação a abril. No confronto com maio de 2012 a redução foi menor, de 1,1%. Os números foram divulgados pela Abraciclo, entidade que reúne fabricantes do setor. No acumulado de janeiro a maio, as indústrias distribuíram à rede 674.969 unidades, resultando em queda de 11% ante o mesmo período de 2012.

A produção em maio totalizou 147.929 motos, registrando queda 4,4% em relação ao mês anterior e de 13,9% no confronto com maio do ano passado. O acumulado deste ano teve 684.307 unidades. O confronto com o mesmo período de 2012 revela queda acentuada, de 17,3%, porque naquele período a indústria ainda não havia ajustado seu ritmo de produção à nova realidade do mercado, que perdeu fôlego em abril de 2012 por causa do aumento do rigor na concessão de crédito.

A Abraciclo atribui as retrações no atacado e na produção de maio de 2013 à queda ocorrida nos emplacamentos, que já na primeira quinzena sinalizaram retração. Mas vale dizer que maio teve um dia útil a menos que abril e dois feriados, um deles prolongado, que acabou engolindo o que deveria ter sido o último dia útil do mês.

“Os volumes permanecem abaixo dos registrados em 2012, mas a queda nos últimos dois meses está menos acentuada que no primeiro trimestre do ano. A oferta de crédito aos nossos consumidores continua restrita, mas está estável. A expectativa do setor é de recuperação gradativa a partir do segundo semestre”, comenta o presidente da Abraciclo, Marcos Szaven Fermanian, presidente da Abraciclo.

RETRAÇÃO TAMBÉM NO MERCADO EXTERNO

As exportações de motos em maio chegaram a 4.105 motocicletas, queda de 58,8% em relação a abril e de 59,9% ante maio de 2012. No acumulado de janeiro a maio de 2013 foram enviadas ao exterior 36.629 unidades, resultando em retração de 11,8% no confronto com os mesmos cinco meses de 2012.



Tags: Abraciclo, motos, emplacamentos, motocicletas, Marcos, Szaven Fermanian, exportações.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência