Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
VW investe R$ 250 mi em nova linha de armação da Saveiro

Indústria | 20/05/2013 | 17h00

VW investe R$ 250 mi em nova linha de armação da Saveiro

Nova área em São Bernardo recebeu 182 robôs e aumenta a produção da picape em 25%

REDAÇÃO AB

A fábrica Anchieta da Volkswagen do Brasil, em São Bernardo do Campo (SP), há mais de 50 anos em operação, acaba de inaugurar moderna linha de armação exclusiva para a soldagem das carrocerias da Saveiro, picape que ganhou nova identidade visual no mês passado (leia aqui).

Já em operação, a nova área foi montada com investimento de R$ 250 milhões (R$ 198 milhões para aquisição de novos equipamentos e R$ 52 milhões para infraestrutura) e é considerada a linha de armação mais avançada da empresa no País, com o mesmo nível tecnológico da que produz a sétima geração do Golf, em Wolfsburg, na Alemanha.

Localizada em um prédio de 22 mil metros quadrados, a nova área foi criada para aumentar a capacidade e velocidade de produção da nova Saveiro, fabricada apenas no ABC paulista. Com a linha, a produtividade da picape será ampliada em 25% em uma primeira fase, passando das 360 unidades feitas diariamente – quando a carroceria da Saveiro era montada na mesma linha do Gol –, para 450 por dia.

“A nova linha de armação, além de trazer para a Volkswagen do Brasil a mais alta tecnologia disponível no mundo, oferece flexibilidade de produção, que pode ser aumentada para atender a demanda de mercado. A alta tecnologia, equivalente às fábricas mais avançadas do Grupo Volkswagen no planeta, oferece qualidade ainda maior de solda, com economia de energia”, afirma o diretor de engenharia de manufatura da Volkswagen do Brasil, Celso Placeres.

linhaarmacaoSaveiro/ Nova linha de armação da fábrica Anchieta é usada com exclusividade por Saveiro, mas pode receber outros modelos.

MODERNIDADE

Para projetar uma das linhas de armação mais modernas e flexíveis do mundo, a Volkswagen do Brasil contou com a ajuda do “Fábrica Digital”, um conjunto de softwares da Siemens PLM que simulam virtualmente os processos produtivos antes da linha sair do papel. Esta tecnologia contribui para a definição do melhor e mais robusto processo produtivo, minimizando o prazo de instalação.

Foram adquiridos 182 robôs, que deverão ocupar uma área de 14 mil metros quadrados. Do total, 151 pertencem a mais nova geração disponível no mundo. São 10% mais rápidos e 15% mais leves do que os anteriores. Suas pinças de solda automáticas garantem total segurança e precisão, favorecendo a qualidade e a eficiência do processo.

Também contribui para a qualidade da produção outro equipamento inédito, o "Konzern Framer UB1". Segundo a Volkswagen, ele é usado para assegurar a repetição exata da geometria da plataforma do veículo (une assoalhos dianteiro e traseiro e longarinas dianteiras) e oferece flexibilidade para o processo de montagem, à medida que permite a armação de diferentes modelos na mesma linha.

O fechamento da carroceria da Saveiro é realizado pelo "Framer", que está em sua terceira geração. Esse equipamento, onde são soldadas as laterais na plataforma e o teto da carroceria, oferece ganho de 15% do tempo necessário de preparação para produzir modelos diferentes, além de permitir modificações sem parada de linha.

As carrocerias são inspecionadas por robôs com projetores de laser. Eles medem as dimensões de cada carroceria virtualmente e enviam os dados imediatamente para a área de monitoramento, garantindo um controle de qualidade preciso durante o processo produtivo. As carrocerias são levadas na sequência por sistemas transportadores por mais de 2 quilômetros até a área de pintura da fábrica.

Para facilitar a comunicação na área de armação, a Volkswagen do Brasil implantou o sistema VASS (utilizado pelas marcas do grupo) de padronização elétrica e de comunicação mais robusta e rápida entre todos os equipamentos eletrônicos da nova área, que também facilita e agiliza a manutenção.

Saveiro
Nova linha faz tanto Saveiro com cabine estendida (esquerda) ou simples.

SUSTENTABILIDADE

Segundo a Volkswagens, diversas medidas foram adotadas na nova linha de armação para tornar o processo mais sustentável. Há, por exemplo, economia de energia elétrica por conta da utilização de pinças de média frequência (1.000 Hz) em toda linha de solda, tanto nos robôs como nos equipamentos operados manualmente. Essas pinças consomem 30% menos de energia e ainda permitem ganho de precisão e de qualidade.

Luminárias econômicas, teto de policarbonato transparente, que favorece a utilização de luz natural, e pintura branca, que clareia o ambiente, também contribuem para a redução do consumo de energia.

“A área de armação da Nova Saveiro reforça a globalização tecnológica da Volkswagen do Brasil, não só em seus produtos, mas também em todo seu processo produtivo. Com essa nova linha, construída com a mais alta tecnologia global e princípios sustentáveis, a unidade Anchieta da Volkswagen do Brasil, se equipara às linhas mais avançadas do Grupo Volkswagen no mundo”, conclui o presidente da Volkswagen do Brasil, Thomas Schmall.



Tags: Volkswagen, Saveiro, fábrica, São Bernardo do Campo, soldagem, armação, picape.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência