Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 22/04/2013 | 18h55

JAC apresenta dez novidades no Salão de Xangai

Chinesa exibe cinco lançamentos, três carros-conceito e dois facelifts em seu estande

REDAÇÃO AB

A chinesa JAC Motors apresenta cinco lançamentos, três carros-conceito e dois facelifts em seu estande no Salão Internacional de Xangai, que acontece de 21 a 29 abril na China.

Entre as novidades está uma nova versão do S5, utilitário esportivo lançado há cerca de um mês no mercado chinês. Além do modelo produzido em série, com motor a gasolina 2.0 turbo, de 177 cavalos, e câmbio manual de seis marchas, que já teve mais de 5 mil unidades vendidas, é mostrada no salão a nova versão que deve começar a ser produzida em 2014, tem motorização 1.5 GDI turbo e injeção direta, que desenvolve 163 cavalos de potência, e transmissão automática de seis velocidades. A JAC Motors prevê a comercialização do S5 apenas no ano que vem no Brasil, em versão ainda indefinida.

A Refine M5, com capacidade para sete passageiros e que chega ao País como T8 em outubro deste ano, ganhou mais uma opção de motorização, o turbodiesel 1.9 CTI de 139 cavalos, além de uma versão automática de cinco marchas com motor 2.0 turbo a gasolina.

O sedã A20, que deverá substituir o J3 Turin em 2015, cresceu 90 mm no entre-eixos, passando a 2,49 metros. Enquanto o A30 começará a ser produzido na China no segundo semestre deste ano e, no Brasil, chegará no final de 2014 com o nome de J4.

Baseado na plataforma do J3, o utilitário S30, de porte compacto, será lançado na China em 2014, mas ainda não tem data de estreia para o Brasil. Equipado com o motor 1.5, igual ao do J5, que desenvolve 127 cavalos, a novidade mecânica desse utilitário esportivo é a transmissão automática CVT.

O J5 com motor 1.8 e transmissão automática e o J3 Cross, também exibidos no Auto Shanghai 2013, não têm previsão de comercialização no mercado brasileiro. Versões reestilizadas do J3 Turin e do J6 também têm espaço na mostra.



Tags: JAC Motors, Salão de Xangai, China, lançamentos.

Comentários

  • Roberto Freire

    Fiz alguns estudos sobre a evolução tecnológica chinesa, e pude constatar alguns números assombrosos. Pode-se perceber claramente que o consumidor Brasileiro fica com o pé atrás para a aquisição de um automóvel chinês, porém quando o adquiri, em sua grande maioria, demonstra confiança na marca. Tenho um FOX e ando muito, porém o que já me deu de manutenção e o preço dos componentes também altos, me decepcionou e muito a marca. Contrastando com esta minha humilde opinião tenho vários amigos que adquiriram carros da linha CHERY (Cielo sedan e QQ) e os mesmos estão totalmente satisfeitos. Ainda fico de pé atrás, mas de uma coisa é certa. Quando trocar de carro, com certeza, não vou querer mais Volkswagen. Agradeço o espaço e parabenizo a equipe do automotive business pelas valiosas e atualizadíssimas noticias vinculadas. Sem mais Roberto Freire

  • Caio Cunha Fernandes

    Cada vez mais, a JAC se mostra diferente de outras chinesas. Bom para tirar o preconceito do povo brasileiro.

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência