Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Internacional | 15/01/2013 | 17h30

Renault planeja cortar 7,5 mil empregos na França

Mas garante que não fechará fábrica no país

REDAÇÃO AB

A Renault planeja cortar 7,5 mil empregos (17% de sua força de trabalho) na França até 2016 para reduzir custos no mercado europeu, em queda pelo sexto ano consecutivo. As informações, publicadas na terça-feira, 15, são de Automotive News.

A executiva Sophie Chantegay, porta-voz da companhia, disse que 5,7 mil postos de trabalho serão cortados através da não renovação de contratos durante o período de maior dificuldade. Os 1,8 mil restantes serão desligados através de rescisões amigáveis.

O presidente executivo da Renault, o brasileiro Carlos Ghosn, declarou durante o Salão de Detroit, nos Estados Unidos, que o mercado de automóveis deverá cair 3% este ano, e, apesar disso, a Renault não vai fechar qualquer fábrica na França.

A Renault emprega cerca de 128 mil pessoas em todo mundo, segundo número publicado pela fabricante em seu site em dezembro último.



Tags: Renault, empregos, França, Carlos Ghosn.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência