Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 24/10/2012 | 00h21

BMW aguarda aprovação de planos pelo governo

Montadora deverá ainda detalhar carta de intenções que assinará com governo de Santa Catarina

SUELI REIS, AB

A aprovação do projeto de investimento da BMW no Brasil, de € 200 milhões (leia aqui), que inclui uma fábrica a ser construída em Araquari, nos arredores de Joinville (SC), deve sair nos próximos dias. A informação é do próprio presidente da marca no País, Henning Dornbusch, durante sua apresentação no Salão do Automóvel de São Paulo, na terça-feira, 23.

“Estamos prontos para sacramentar o investimento no Brasil”, disse, acrescentando que falta detalhar a carta de intenções que assinará com o governo de Santa Catarina, referente à construção da planta industrial, que deverá receber incentivos fiscais do Estado.

Na segunda-feira, 22, a montadora confirmou seu plano de construir uma fábrica no País, decisão comunicada diretamente à presidente da República, Dilma Rousseff, por Ian Robertson, vice-presidente e membro do conselho de administração do Grupo BMW, em Brasília. A decisão era esperada há pelo menos um ano, mas a empresa chegou a parar com os planos para aguardar a publicação do novo regime automotivo. Segundo Henning, o projeto inicial, que previa apernas a montagem de carros com a maioria das partes importadas, teve de ser alterado para enquadrar a empresa nas regras do novo regime automotivo, para dessa forma ter direito ao desconto dos 30 pontos porcentuais extras de IPi que serão aplicados sobre veículos importados ou com baixo conteúdo nacional.

A BMW projeta iniciar as operações em dois anos em unidade que terá capacidade para 30 mil unidades por ano em dois turnos. Dornbusch disse que a intenção é de que os veículos atendam o mercado brasileiro, mas que há possibilidade de exportar para outros países da região da América Latina.

Líder do segmento premium no Brasil, a marca detém 26% das vendas de veículos de luxo, mercado que representa somente 1% do total das vendas de veículos no País. “Mantendo as condições atuais, com continuação do crescimento econômico, essa fatia pode chegar a 35%”, projeta, sem traçar prazo para alcançar o índice.

Assista a entrevista exclusiva a ABTV de Henning Dornbusch, presidente da BMW do Brasil:



Tags: BMW, investimento, fábrica, Salão do Automóvel, Joinville, Araquari.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência