Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias
Concessão de crédito para veículos cresce 22,8% em junho

Crédito | 26/07/2012 | 18h52

Concessão de crédito para veículos cresce 22,8% em junho

Depois de recorde, inadimplência recua

GIOVANNA RIATO, AB

A concessão de crédito para a aquisição de veículos por pessoa física cresceu 22,8% em junho sobre maio, para média diária de R$ 426 milhões. O dado foi divulgado na quinta-feira, 26, pelo Banco Central. No trimestre a alta foi um pouco menor, de 20,4%. Quando considerados os últimos 12 meses o avanço foi de 5,5% em relação ao mesmo período anterior.

Com isso, o saldo total de crédito para o setor automotivo chegou a R$ 202,74 bilhões de reais, com elevação de 1,4% sobre maio. O crescimento foi mais acentuado nos últimos 12 meses, com aumento de 4,3%.

A elevação é resultado da redução das taxas de juros para a aquisição de veículos. A queda foi puxada pelos bancos públicos como uma manobra do governo para aquecer as vendas do setor. Houve queda de 2,7 pontos porcentuais em junho no reajuste mensal, para taxa média de 20,7% ao ano, ou 1,58% ao mês. Nos últimos 12 meses a redução do custo do crédito chegou a 9,1 pp.

INADIMPLÊNCIA APONTA PARA BAIXO

Depois do recorde registrado em maio, a inadimplência no setor de veículos teve recuo tímido de 0,1 ponto porcentual em junho, para 6%. O número divulgado pelo Banco Central considera apenas atrasos superiores a 90 dias.

O índice permanece inferior ao registrado na economia de forma geral, que alcançou 7,8%, mas ainda é alto. A média histórica de calotes no setor automotivo é inferior a 3%. A inadimplência vem crescendo mês a mês desde o ano passado como reflexo da concessão de financiamentos sem entrada e com prazos muito longos em 2009. Os calotes aumentaram 2,2 pp nos últimos 12 meses.

Depois do rápido crescimento, a inadimplência enfim aponta para baixo. Ao divulgar os dados, o BC chamou a atenção para a redução do número de atrasos nos pagamentos de 15 a 90 dias. Em junho houve diminuição de 0,5 pp, para 8%. Este número é considerado uma prévia da tendência de inadimplência.



Tags: crédito, inadimplência, veículos, financeira, Banco Central.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência