Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Carreira | 18/07/2012 | 18h06

Opel contrata chefe de finanças da Volkswagen

Michael Lohscheller assume novo cargo

REDAÇÃO AB

A General Motors informou nesta quarta-feira, 18, que Michael Lohscheller assumirá a chefia financeira da Opel em 1º de setembro, em substituição a Mark James. Lohscheller, nascido na Alemanha, aceita o cargo aos 43 anos, depois de chefiar por quatro anos as finanças da concorrente Volkswagen nos Estados Unidos.

Em comunicado, a fabricante, que na terça-feira, 17, promoveu Thomas Sedran, especialista em reestruturação, à presidência da Opel, disse ainda que irá redobrar os esforços para devolver lucratividade à marca europeia, e que Michael Lohscheller tem ampla experiência nas áreas financeiras, de tecnologia de informação, compras e logística para isso. Ele trabalhou em empresas como Mitsubishi Motors, Daimler e na fabricante de empilhadeira Jungheinrich.

A Opel, que opera no Reino Unido como Vauxhall, também promoveu seu executivo global de veículos compactos, Michael Ableson, de 50 anos, a chefe de pesquisa e desenvolvimento, no lugar de Rita Forst. "Estou realmente ansioso para ter Michael Lohscheller e Michael Ableson na empresa. Eles vão ajudar a acelerar o plano de revitalização da Opel", afirmou o vice-presidente da GM, Stephen Girsky.

Enquanto isso, a Volkswagen dos Estados Unidos nomeu Hardy Brennecke, 38 anos, a chefe financeiro. O executivo está na empresa desde 2000, começará em 1º de agosto no novo cargo, cuidará também da marca Audi, e se reportará diretamente ao presidente da divisão, Jonathan Browning.



Tags: General Motors, Opel, Volkswagen, Michael Lohscheller, Hardy Brennecke, Thomas Sedran, Jonathan Browning.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência