Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Balanço | 25/04/2012 | 19h48

Receita automotiva da PSA Peugeot Citroën cai 14%

Vendas fracas na Europa comprometem o faturamento

Agência Estado

O grupo francês PSA Peugeot Citroën divulgou na quarta-feira, 25, que a receita de sua divisão automotiva caiu 14% no primeiro trimestre, devido à forte retração das vendas na Europa, de 20% entre janeiro e março em relação a igual período de 2011 – apenas na França o tombo foi de 30%. A expressiva contração foi em parte causada pela base de comparação desfavorável com os primeiros três meses do ano passado, quando incentivos governamentais estimularam as vendas. O faturamento foi também afetado pela forte concorrência entre os fabricantes de carros médios no continente europeu.

A receita total de todas as divisões do grupo nos três primeiros meses do ano recuou 7,3%, para € 14,29 bilhões, mas ficou acima dos € 14,1 bilhões estimados por quatro analistas numa pesquisa feita pela agência Dow Jones.

A empresa está lutando para diminuir seu estoque de carros, que equivaliam a 70 dias de vendas no fim de março, ante 69 dias em dezembro, e ainda muito acima da meta estipulada para o fim do ano, de 61 dias.

Em unidades, as vendas mundiais da PSA caíram 14% no primeiro trimestre, para 790,1 mil veículos, puxadas por contração de 8% no mercado europeu e fraqueza na América Latina, embora as vendas tenham crescido na Rússia e China.

VENDA DA GEFCO

A PSA também anunciou na quarta-feira que prepara a venda de participação no seu negócio de transporte de carros e suprimentos, a Gefco, como parte de sua estratégia para se desfazer de € 1,5 bilhão em ativos e saldar dívidas.

Segundo o executivo-chefe da Gefco, Jean-Baptiste de Chatillon, a divisão atraiu vários compradores em potencial. A empresa planeja ter uma lista de possíveis parceiros no início de julho e concluir o acordo até o fim do ano. Chatillon não detalhou o tamanho da participação que a PSA pretende vender.

Fundada em 1949, a Gefco transporta carros e autopeças por toda a Europa e outras regiões, como América Latina e China. No ano passado, a unidade teve lucro operacional de € 223 milhões e receita de € 3,78 bilhões.



Tags: PSA Peugeot Citroën, receita, resultado, vendas.

Comentários

  • pauloferreira

    o grupo PSA ,tem um resultado negativo,devido ao sentido que o grupo caminha , a caminho em que segue não é o mais certo nos dias de hoje ,em que o cliente esta mais informado e enfulenciado pelos meios de comunicação .

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência