Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 18/04/2012 | 20h15

BMW pode confirmar fábrica no Brasil

Dornbusch diz não esperar por um ano brilhante

Automotive Business

Redação AB

Henning Dornbusch (foto), presidente da BMW no Brasil, disse ao portal Exame na quarta-feira, 18, que há grande possibilidade de sair uma decisão positiva sobre a construção da fábrica da marca em Santa Catarina, provavelmente em Araquari, no norte do Estado, onde representantes da empresa alemã já fizeram várias sondagens. A empresa ainda analisa o novo regime automotivo e as concessões que terá de fazer antes de bater o martelo. À agência Reuters, Dornbusch declarou no início desta semana que a decisão pode sair até junho.

Em 2011, o plano de construir uma fábrica no Brasil estavam adiantados, as negociações com o governo catarinense e com a prefeitura de Araquari tinham avançado, e a BMW planejava fazer o anúncio antes do fim do ano. Mas depois que o governo, em setembro, alterou as exigências de nacionalização e passou a cobrar 30 pontos porcentuais extras no IPI de carros importados, o projeto voltou para a gaveta, à espera de uma flexibilização das regras. Dornbusch disse que o regime automotivo foi positivo nesse sentido, mas ainda há muitos detalhes a resolver sobre o tema.

O executivo afirmou que é besteira dizer que o IPI (maior) não afeta o segmento de luxo no País. “O consumidor faz contas e ninguém pagaria R$ 160 mil por um carro que custava R$ 120 mil meses atrás. Houve impacto e o segmento premium está em queda no País”, enfatizou. As vendas da marca em março foram de 590 unidades, contra 1.009 no mesmo mês de 2011, e não haveria como superar, em 2012, os resultados excepcionais do ano passado.

Dornbusch disse ainda à Exame que, na média, o repasse aos preços provocado pelos 30 pontos adicionais de IPI foi de 16%. Dos 14% não repassados aos preços, 12% foram absorvidos pela BMW e os outros 2% com pelos concessionários no País. Há duas novidades para o ano, depois do recente lançamento da nova geração do Série 1: a nova geração do Série 3 e uma nova motorização do X1.



Tags: BMW, IPI, regime automotivo, política industrial, investimento, fábrica, Santa Catarina, Série 1, Série 3, X1.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência