Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Máquinas Agrícolas | 05/04/2012 | 20h36

Vendas de máquinas sobem 8,7% em março

E recuam 3,3% no primeiro trimestre

Sueli Reis, Automotive Business

Sueli Reis, AB

O segmento de máquinas agrícolas encerrou março com vendas 8,7% maiores sobre fevereiro, para 5,3 mil unidades, entre tratores, colheitadeiras, cultivadoras e retroescavadeiras. Este foi o melhor mês de vendas do ano para o segmento até agora ao atingir pela primeira vez a casa das 5 mil unidades, de acordo com os números da Anfavea divulgados na quinta-feira, 5.

-Clique aqui para fazer download dos dados da Anfavea

No comparativo anual, o mercado de máquinas segue em queda: sobre março de 2011 as vendas caíram 9,9% e no acumulado janeiro-março recuaram 3,3% com relação a igual período do ano passado, para 14,6 mil unidades. As vendas anualizadas, realizadas nos últimos doze meses, de abril de 2011 a março de 2012, foram 3,6% menores com relação ao período correspondente do ano anterior.

Mesmo com o resultado abaixo do registrado no ano passado, o vice-presidente da Anfavea, Milton Rego, aponta que o mercado continua se comportando dentro das previsões da entidade. “Apesar de negativo, é um desempenho dentro do esperado para este ano. A partir deste mês (abril) começam as vendas mais acentuadas em tratores, o que geralmente ocorre até outubro, por causa da sazonalidade”, explica.

O executivo afirma que o diferencial para o período abril-outubro deste ano com relação aos últimos anos é o mix de produtos, com aumento da participação de tratores de maior potência, o que reafirma a perda de ritmo das vendas por meio de programas de fomento à agricultura familiar, como o Mais Alimentos, do governo federal, que contempla a faixa de máquinas de baixa potência.

Diferente do mercado interno, as exportações do segmento no trimestre avançaram 15,8%, para 4,7 mil unidades. As montadoras encerraram o período com produção de 21,5 mil máquinas, alta de 9,5% na mesma base de comparação.

TUDO IGUAL

Entre as novas medidas de estímulo para a indústria anunciadas pelo governo esta semana (leia aqui) a redução de juros de financiamento pelo BNDES, de 8,7% para 7,3% ao ano, para a aquisição de bens de capital, incluindo máquinas agrícolas, pode beneficiar as vendas do segmento. Entretanto, a Anfavea manteve suas projeções que se igualam aos volumes do ano passado: vendas de 65,3 mil unidades, exportações de 18,4 mil e produção de 81,8 mil máquinas, todos com crescimento zero sobre 2011.



Tags: Anfavea, máquinas agrícolas, vendas, Milton Rego.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência