Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 14/03/2012 | 10h02

Usiminas pode vender unidades mecânica e automotiva

Reforço de caixa com a operação pode atingir R$ 2,5 bilhões

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

A Usiminas poderá ter um reforço de caixa de até R$ 2,5 bilhões caso se desfaça das unidades mecânica e automotiva. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo. A venda dos ativos já era considerada na gestão de Wilson Brumer, que presidiu a companhia até o início do ano. E, segundo uma fonte ouvida pelo jornal, o assunto permanece na pauta da nova diretoria da empresa.

Se a venda ocorrer, um dos principais beneficiados com o reforço de caixa será o segmento de mineração da empresa. Com isso, a siderúrgica poderia aumentar sua capacidade de produção de minério de ferro para 29 milhões de toneladas até o fim de 2015. Em 2012, a produção do insumo da companhia deve alcançar a marca de 8 milhões de toneladas.

De acordo com cálculos de analistas procurados pelo Estadão, a Usiminas Mecânica poderia ser negociada a R$ 2 bilhões e a Automotiva valeria cerca de R$ 500 milhões. Dos dois ativos, o de venda mais provável em um primeiro momento seria a Usiminas Automotiva, que em 2011 registrou receita líquida de R$ 343,9 milhões, correspondentes a 2,9% da receita da Usiminas acumulada ao longo do ano.

Em relação à Usiminas Mecânica, o negócio poderia envolver apenas uma fatia. A empresa, que atua no segmento de bens de capital, obteve receita líquida de R$ 1,4 bilhão no ano passado, ou 11,8% da receita total da siderúrgica mineira em 2011.



Tags: Usiminas, Automotiva Usiminas, Wilson Brumer, Usiminas Mecânica.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência