Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Tecnologia e Engenharia | 16/01/2012 | 19h55

Arbix defende crescimento da Finep para financiar pesquisa e inovação

Agência pode se transformar em banco

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

A Finep, empresa de financiamento à pesquisa e inovação ligada ao Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI), poderá ser transformada em banco de fomento dentro de três anos, para aumentar sua capacidade de financiar o desenvolvimento tecnológico no País. “A Finep precisa se transformar naquilo que não é: uma instituição financeira com recursos estáveis e autonomia para definir onde alocar os seus investimentos. Assim criaremos condições para construir uma gestora de recursos, de fundos de investimento”, defende Glauco Arbix (foto), presidente da agência.

Em entrevista distribuída pela assessoria de comunicação da Finep, Arbix avalia que, apesar do crescimento dos recursos alocados pela empresa para financiar pesquisa e inovação no País, os aportes ainda estão abaixo do necessário e a agência perdeu autonomia para decidir como e onde fazer os investimentos. “O Brasil precisa investir muito mais do que investe em tecnologia e inovação. Não se trata de um acréscimo incremental, que se dá gradativamente a cada ano, mas de um verdadeiro salto de qualidade no volume de recursos para inovação e tecnologia”, avalia Arbix.

“Para cumprir sua missão, a Finep deverá buscar outras fontes de recursos, para além do PSI e mesmo do FNDCT. Se queremos efetivamente transformar o Brasil em uma potência tecnológica, teremos de investir em tecnologia 1% do PIB com recursos públicos, mais 1% ou 1,5% com recursos privados”, sentencia Arbix. Ele acredita que a Finep deverá ter papel fundamental nessa rota: “Pensamos numa Finep que em 10 anos estará investindo entre R$ 40 bilhões e R$ 50 bilhões em tecnologia”, afirma.



Tags: Finep, MCTI, Glauco Arbix, pesquisa, inovação, tecnologia, financiamento.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência