Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Financeiras | 06/12/2011 | 14h31

Em dez meses, R$ 199 bi em crédito para carros

Prazo médio foi de 41 meses, com juro de 1,53% ao mês

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB, com informações da Anef

O saldo total de crédito para aquisição de automóveis fechou outubro em R$ 199,4 bilhões, crescimento de 7,3% no ano, enquanto o total de crédito do Sistema Financeiro Nacional evoluiu 14,1%, evidenciando moderação na evolução da aquisição de automóveis por meio de financiamentos. A conclusão é da Anef, Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras.

Para a entidade, o cenário atual segue a tendência do ano, com crescimento em ritmo desacelerado e menor que o de 2010, porém, de forma constante. As medidas macroprudenciais tomadas pelo Banco Central, em dezembro passado, foram afrouxadas em novembro, mas a evolução da carteira deve manter-se na mesma proporção.

“A nova medida do BC ajuda a impulsionar as vendas para o fim do ano. Entretanto, será um processo moderado, que nos leva a crer em aumento para o ano equivalente a 10%”, afirma Décio Carbonari de Almeida, presidente da Anef (foto).

Análise trimestral da Associação sobre vendas, finalizada em setembro, apontou que as vendas à vista representaram 39% dos veículos e comerciais leves comercializados, com 48% para CDC, 7% para consórcio e 6% para leasing.

Inadimplência
Em alta desde o começo do ano, o saldo de inadimplência no crédito para pessoa física, acima de 90 dias, chegou em setembro à expressiva marca de 4,7%, um aumento de 0,3 ponto percentual frente ao mês anterior. Almeida considera que o número supera as expectativas, mas ainda está sob controle. “Essa situação no financiamento de veículos fica abaixo do índice de atraso total de empréstimos para pessoas físicas, de 7,1%. Esperamos que trajetória comece a mudar nos meses iniciais de 2012”, avalia.

Taxa de juros
A taxa de juros teve estabilidade frente a setembro, fechando em 1,53% ao mês. Nos novos contratos, os planos de financiamento fecharam com a média de 41 meses. O prazo máximo oferecido permaneceu em 60 meses neste semestre.

Caminhões
Em outubro o Finame foi utilizado em 71% das operações, cabendo 29% para compras à vista, financiamento, consórcio, leasing e Finame leasing.

Motos
As vendas das motocicletas dependeram de financiamento em 52% dos casos. Os outros 48% foram divididos entre consórcio (28%) e vendas à vista (20%).



Tags: Anef, financiamento, leasing, consórcio, CDC.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência