Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Marketing e Lançamentos | 05/12/2011 | 16h29

Indústria: faturamento cresce mas estoque preocupa

CNI aponta que vendas e produção não crescem no mesmo ritmo

Agência Brasil

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Luciene Cruz, Agência Brasil

O faturamento real da indústria cresceu pelo quinto mês consecutivo. O indicador dessazonalizado de outubro foi 1,4% maior que o de setembro. O dado é da pesquisa Indicadores Industriais, divulgada na segunda-feira, 5, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). “O faturamento real mantém uma trajetória de crescimento e se descola das demais variáveis de atividade industrial”, informou o documento.

Os números positivos do faturamento não acompanharam os demais indicadores. A utilização da capacidade instalada diminuiu 0,3 ponto percentual em relação a setembro. O índice caiu de 81,7% para 81,4%, o menor percentual desde fevereiro de 2010. As horas trabalhadas também recuaram pelo segundo mês consecutivo, apresentando queda de 0,3% em outubro.

Os indicadores da CNI mostram ainda que o mercado de trabalho da indústria voltou a apresentar números favoráveis. Houve alta de 0,2% em outubro, quando comparada ao mês anterior. No entanto, “essa movimento não se sobrepôs à queda de 0,3% em setembro, na mesma base de comparação”, apontou a pesquisa.

Esse desempenho da oferta de vagas não foi acompanhado pela evolução da massa salarial, que apresentou retração dos rendimentos reais. O indicador teve queda de 1,1% (sem ajuste sazonal) em outubro frente a setembro. “Mesmo com a expansão do emprego, a queda foi resultado da forte contração dos rendimentos reais”, informou a CNI.

Segundo o gerente executivo da CNI, Renato da Fonseca, os números positivos do faturamento real divergem dos outros indicadores pela alta quantidade de estoques. “Há um desaquecimento da indústria, a produção industrial enfrenta dificuldades. As vendas ainda estão crescendo, mas a produção não acompanha por conta do excesso de estoques. O nível está acima do desejado desde o início do ano”, informou.



Tags: CNI, indústria, faturamento, produção.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência