Automotive Business
  
ABLive

Notícias

Ver todas as notícias

Motociclos | 20/09/2011 | 17h15

Sundown Motos continua patinando

Concessionárias ainda não receberam lançamentos prometidos para julho

Mário Curcio, AB

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Mário Curcio, AB

Apesar das promessas, a Sundown Motos continua patinando. O atual presidente da empresa, Fernando Buffa, disse em entrevista a Automotive Business em maio que novos produtos chegariam em julho, entre eles o scooter Outlook 150 (na foto) e a esportiva Roadwin 250. Já entramos na segunda quinzena de setembro e nada de novidade.

Na sede da empresa, os funcionários falam em outubro. Na concessionária Brio Motos, de São Paulo, uma vendedora acredita que o Outlook chegará somente no início do ano que vem. Tentamos sem sucesso uma posição oficial da empresa, que deve renovar suas promessas no Salão Duas Rodas, entre 4 e 9 de outubro no Anhembi.

A Sundown Motos chegou a ocupar o terceiro lugar em vendas por nove meses entre 2004 e 2006, mas entrou em declínio com a crise mundial de 2008 e chegou a interromper a produção. Atualmente, nas poucas revendas abertas, os modelos mais comuns de encontrar são os da linha Max, a mais antiga em linha.



Tags: Sundown Motos, Outlook 150, Roadwin 250, Fernando Buffa.

Comentários

  • Edson Roberto

    Fico muito chateado pela atual situação em que se encontra esta marca. Conheço alguns proprietários de modelos de motos da Sundown como a Hunter 100 cc e Max 125 cc que sempre estiveram muito satisfeitos pelos produtos desta marca. Cheguei a ter interesse em comprar uma sundown. Torço muito pela recuperação desta marca. Sabemos que esta marca sofreu por diversos aspectos e interesses alheios ao da marca em si.

  • anonimo

    as motos foram presas pela receita federal, por isso nao apareceram

  • Mauricio Toscano

    Em 2009, adquiri uma moto sundown WebEvo 100, que por sinal me deu muita satisfação com o seu desempenho e pela manutenção que era muito bem feita quando precisava de fazer as revisões previstas. Mas, com o declínio da empresa hoje a moto está com vários problemas de suspensão por falta de peças disponíveis no mercado, embora o seu motor e outras partes funcionem ainda muito bem. É uma pena que uma marca tão boa tenha tido uma queda tão expressiva. Torço para que a empresa consiga superar os obstáculos e volte a ser uma grande empresa.

  • marcelo

    tenho uma max , moto boa ,forte e bonita.cuido bem dela ,moto pra vida toda ,e ainda acho peças ,,, torço para a marca voltar... das chinesas é a melhor,,, ela vibra muiito mas fora isso é ótima .não é de quebrar a toa...como toda moto, precisa de cuidados preventivos, simples assim

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência