Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 27/07/2011 | 19h18

Grupo PSA amplia lucro líquido em 18,5%

Vendas na América Latina cresceram 21,7% durante o 1º semestre

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

O grupo PSA divulgou nesta quarta-feira, 27, os resultados globais do primeiro semestre. A companhia registrou lucro líquido de € 806 milhões no período, expansão de 18,5% sobre a primeira metade de 2010. O faturamento avançou 9,7%, para € 31,1 bilhões e o lucro operacional cresceu 1,8%, para € 1,157 bilhão.

A catástrofe do Japão teve impacto negativo de € 147 milhões na divisão automotiva do grupo. Outro dado que influenciou o resultado foi a alta dos preços das matérias-primas, que impactou negativamente em € 366 milhões. Com isso, o lucro operacional da divisão sofreu retração de 22,9% para € 405 milhões. O faturamento foi de € 22,6 bilhões, com alta de 6,7%.

Neste cenário, o crescimento da companhia foi puxado pelo bom desempenho de outras atividades. O lucro operacional da divisão de autopeças, Faurecia, teve expansão de 56,7%, para € 340 milhões, e o da Gefco avançou 1,9%, para € 143 milhões.

Ofensiva internacional

Apesar da queda no resultado da divisão automotiva, o grupo considera ter alcançado um resultado robusto mesmo em um contexto desfavorável. A empresa também deu continuidade à estratégica de expansão global.

Na China, as vendas de veículos da marcas do grupo cresceram 10,2%, para 194,6 mil unidades. A companhia também recebeu autorização das autoridades chinesas para criar uma joint venture com a Changan Automobile. Entre os planos para o mercado da região está o lançamento de 12 modelos e 6 motores até 2015, em parceira com a Dongfeng.

Na América Latica, outro mercado prioritário fora da Europa, o grupo cresceu 21,7% e comercializou 154,4 mil unidades, com 5,9% de market share. O resultado também foi expressivo na Rússia, com venda de 35,4 mil unidades e crescimento de 65,5%. Para ampliar a presença em emergentes, a PSA estuda agora a introdução da Peugeot na Índia.



Tags: PSA, balanço, resultado.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência