Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 27/07/2011 | 11h28

Expectativa baixa para a nova política industrial

Pacote do governo não deve resolver a questão da competitividade

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

O anúncio da nova política industrial, que tem como foco estimular a competitividade brasileira, está marcado para 2 de agosto. As empresas, no entanto, não esperam que o "Programa de Inovação do Brasil”, como foi batizado o pacote de medidas, represente um estímulo efetivo para que os produtos nacionais sejam competitivos no exterior.

Matéria publicada no Estadão desta quarta-feira, 27, e apurada pelo jornalista Alexandre Rodrigues, aponta que a maior expectativa está em torno da desoneração da folha de pagamentos, que não deve ser anunciada por enquanto, conforme adiantou a presidente Dilma Rousseff. As companhias instaladas no Brasil também apontam o custo elevado das matérias-primas como um dos principais obstáculos.

Pesquisa realizada em 2010 pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) indicou que a tributação, o custo do capital e a mão de obra são as três principais questões para a indústria. A valorização do real ficou em quarto lugar.

Com informações de O Estado de S. Paulo



Tags: indústria, política industrial, competitividade, medida, pacote, governo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV