Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Combustíveis | 08/07/2011 | 08h18

EUA financiam 1ª fábrica de etanol de celulose

Governo dará subsídio de US$ 1,01 por galão produzido.

Agência Estado

Filipe Domingues, Agência Estado

O governo dos Estados Unidos anunciou na quinta-feira, 7, que vai ajudar a financiar a primeira fábrica de etanol de celulose com escala comercial. O secretário de energia do país, Steven Chu, afirmou que a agência do governo está oferecendo uma garantia de empréstimo de US$ 15 milhões para apoiar a construção da nova fábrica da Poet LLC, maior companhia de etanol dos Estados Unidos.

A unidade ficará em Emmetsburg (Iowa) e deve produzir 25 milhões de galões de combustível por ano (94,62 milhões de litros). A expectativa é de que a Poet comece a construir a fábrica em agosto e conclua o projeto em maio de 2013, segundo Chu. O custo total da construção será de US$ 261,2 milhões.

Atualmente, a maioria do etanol produzido nos Estados Unidos é de milho. Críticos dizem que, por esse motivo, o combustível aumenta os preços dos alimentos, pois consome boa parte da produção do cereal. Espera-se que produtores de etanol utilizem um recorde de 5,05 bilhões de bushels de milho no ano que vem (127 milhões de toneladas), de acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

A nova fábrica utilizará resíduos das lavouras de milho (cascas, folhas e sabugos), em vez do grão em si, de acordo com o USDA e o Departamento de Energia. Os resíduos são mais baratos do que o milho e os preços são muito mais estáveis, segundo o porta-voz da Poet, Nathan Schock, embora o processo de transformá-los em combustível seja mais complexo e caro.

A Poet também receberá subsídios do governo pelo etanol celulósico que produzir. Há um incentivo do governo de US$ 1,01 por galão produzido. Companhias de gasolina recebem atualmente US$ 0,45 por galão de etanol misturado à gasolina - o restante neste caso iria para a Poet. A companhia opera 27 usinas de etanol de milho nos Estados Unidos, uma das quais em Emmetsburg, com capacidade de produção total de 1,7 bilhão de galões por ano.

"Este projeto vai ajudar a reduzir nossa dependência do petróleo, criar empregos e ajudar nossa transição para a energia limpa e renovável produzida em casa", declarou Chu, sobre a fábrica de etanol de celulose da Poet. As informações são da Dow Jones.



Tags: Etanol de celulose, Poet LLC, Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, gasolina, combustíveis.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência