Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Consultoria | 03/06/2011 | 17h43

Estados Unidos lideram ranking mundial de veículos em abril

Mercado americano cresceu 17,9% e o chinês, 3,5%.

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

A Jato Dynamics, empresa especializada em informações do setor automotivo, divulgou seus dados de veículos vendidos mundialmente em abril de 2011. Os Estados Unidos ultrapassaram a China naquele mês, com crescimento de 17,9% na comparação com o mesmo período de 2010. O país asiático obteve 3,5% de crescimento. Em terceiro lugar no ranking de abril está a Alemanha, com alta de 2,8%. Os dados chineses incluem apenas veículos de passeio. Para o restante dos países, os números englobam carros e comerciais leves.

O Brasil permanece na quarta colocação, com aumento de 4,2% nas vendas de veículos em abril em relação a 2010. Rússia e Índia tiveram crescimento significativo de 42,4% e 14,1% em relação ao ano anterior, respectivamente. França, Japão e Itália apresentaram queda nas vendas do mês, com 10,3%, 47,4% e 1,1%. O Canadá fecha o ranking na décima posição, com aumento de 6,8% no mesmo período.

No acumulado do ano, contudo, algumas posições mudam: o mercado chinês mantém a liderança, com 621.432 veículos vendidos a mais que os EUA. O Japão, mesmo com queda significativa de 28,4%, aparece na terceira posição, enquanto que a Alemanha fica na quarta colocação, com aumento de 11,2% no acumulado do ano em relação a 2010.



Tags: Jato Dynamics, Estados Unidos, China, Alemanha, comerciais leves, Rússia, Índia, Japão, França, Itália, Brasil, Canadá.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência