Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Certificação | 02/06/2011 | 20h56

IQA passa a oferecer treinamento e manuais VDA

Especialista internacional dará cursos com manuais em português.

Automotive Business

Redação AB

O Instituto da Qualidade Automotiva (IQA), apresentou à imprensa na quinta-feira, 2 de junho, o representante da VDA QMC que veio ao Brasil para ministrar uma série de cursos e palestras para profissionais do IQA, preparando-os como instrutores oficiais VDA em treinamentos no Brasil e Argentina. O especialista é Thomas Junggeburth, do Centro de Gerenciamento de Qualidade da Associação Alemã da Indústria Automotiva, responsável pela área de controle de treinamento e licenças nacionais e internacionais da VDA QMC.

“A vinda de Junggeburth marca nossa parceria com a VDA QMC e uma nova fase na história do IQA, que passa a oferecer com regularidade os treinamentos oficiais da associação para as empresas que atuam na cadeia automotiva”, disse o superintendente do IQA, Mario Guitti. Ele explica que anteriormente as indústrias eram obrigadas a enviar os engenheiros à Alemanha para obter os conhecimentos necessários sobre as normas VDA: “Agora tudo isso estará à disposição aqui no Brasil e em português’.

Acesse www.iqa.org.br para conhecer o calendário de treinamentos da VDA, que traz como data inaugural os dias 12 e 13 de julho.

Os manuais VDA 1, VDA 6, VDA 6.1, VDA 6.3 e VDA 6.5 estão em processo de tradução. Informações pelo email: manuais@iqa.org.br.

Foto: Alexandre Xavier, gerente de marketing do IQA, Thomas Thomas Junggeburth, da VDA, e Mário Guitti, superintendente do IQA.



Tags: IQA, VDA QMC, treinamento, normas automotivas.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência