Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 09/05/2011 | 11h32

Toyota, BMW e MB entre as marcas mais valiosas

Participação de fábricantes de carros no ranking teve redução de 27% na comparação com 2008.

Automotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

A WPP divulgou o BrandZ Top 100, levantamento anual das marcas mais valiosas do mundo realizado pela Millward Brown Optimor. O relatório evidencia que as fabricantes de carros ainda não recuperaram a força após a crise financeira internacional e tiveram queda de 27% no valor na comparação com 2008.

No entanto, as marcas automotivas cresceram 7% sobre o ano passado. As fabricantes que aparecem no ranking são Toyota (26ª posição), BMW (30ª), Mercedes-Benz (50ª), Honda (56ª), Posche (66ª) e Nissan (88ª).

Segundo o estudo, o crescimento da categoria automóveis na comparação com 2010 foi impulsionado pela recuperação da imagem da Toyota e pelos bons resultados da Ford, General Motors e outras companhias. O apetite do mercado chinês também foi apontado na pesquisa como um dos impulsos para a alta.

O BrandZ Top 100 avalia tanto resultados financeiros quanto a percepção do consumidor para chegar ao valor da marca. Este ano as primeiras posições do ranking foram mais uma vez ocupadas por empresas de tecnologia. A Apple tomou do Google o título de marca mais valiosa do mundo e liderou o ranking, com expansão de 84% na compração com o ano passado. O Google ficou em segundo lugar, seguido por IBM, McDonalds e Microsoft.



Tags: BrandZ, marcas mais valiosas, Toyota, BMW, Mercedes-Benz, Honda, Porsche, Nissan, Apple, Google.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência