Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Eventos | 04/05/2011 | 07h57

Agrishow impressiona pela vitalidade

Feira mostra a força da indústria de máquinas.

Redação AB, com informações dos fabricantes

Redação AB, com informações dos fabricantes

O visitante da Agrishow 2011 - Feira Internacional da Tecnologia em Ação (2 a 6 de maio, em Ribeirão Preto, SP) certamente ficará surpreso com a quantidade e dimensão dos equipamentos agrícolas expostos em muitos estandes. Muitos dos produtos estão sendo lançados durante o evento e, segundo seus fabricantes, a procura é expressiva. Este ano a indústria de máquinas agrícolas está completando 50 anos de existência no Brasil e a Anfavea, que agrupa os fornecedores dessa área, edita publicação especial para contar a história e as perspectivas do setor.

O diretor superintendente da Marchesan, João Carlos Marchesan, assinala que sua empresa oferece a maior plantadeira de grãos do mercado, para o plantio simultâneo de 35 linhas em área de 165 hectares/dia. A vantagem, em sua opinião, é que o produtor pode aproveitar a chamada “janela de plantio”, ou seja, o breve período em que o índice de umidade e de calor são perfeitos para essa tarefa.

A colheita pode ser feita com a mesma presteza. A GTS exibe uma colheitadeira de 26 linhas com espaçamento de 52,5 cm. O investimento para ter esse equipamento é de pelo menos R$ 230 mil. Somado a isso, será necessária a aquisição de um trator compatível para o arrasto da colheitadeira, com custo da ordem de R$ 900 mil. Uma das principais novidades da Agrishow 2011 é a colhedora de cesto 7760 da John Deere, capaz de colher e enfardar algodão ao mesmo tempo. A automotriz tem a vantagem de executar as tarefas sem a necessidade de paradas para descarregamento, pois ao mesmo tempo que colhe, agrupa a colheita em cilindros de 2.500 kg e embala o algodão com capas de poliéster. Devidamente protegido, o produto pode permanecer no campo por algum tempo ou mesmo ser transportado para as algodoeiras, onde é submetido ao beneficiamento final.

A empresa catarinense Benecke, de Timbó (SC), desenvolveu um equipamento que elimina o risco de contaminação e perda de qualidade de grãos como soja, milho e amendoim, trazendo economia de até 50% de lenha ou qualquer outra biomassa. O processo se dá pela produção de vapor que se transforma em energia térmica, evitando que os subprodutos liberados na queima da biomassa se incorporem aos alimentos. O equipamento, lançado no fim de 2010, é fabricado de maneira customizada, de acordo com a demanda e da biomassa disponível na propriedade ou região.

Mais em www.agrishow.com.br.



Tags: Agrishow, Anfavea, Abimaq, Marchesan, GTS, John Deere, Benecke.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência