Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Notícias

Ver todas as notícias

Mercado e Negócios | 19/04/2011 | 09h23

Frotistas garantem alta nas vendas de veículos

Quinzena mostrou avanço de 5,15% sobre março.

Autromotive Business

NOTÍCIAS AUTOMOTIVAS EM QUALQUER LUGAR
Email RSS Twitter WebTV Revista Mobile Rede Social


Redação AB

A venda de veículos na primeira quinzena de abril mostrou ainda resistência aos apertos promovidos pelo governo na área de crédito mas passou por aceleração impulsionada pela demanda junto a frotistas e governo. Foram emplacadas 159.033 unidades, contra 151.245 no período equivalente de março, com um avanço de 5,15% (5,12% no caso de veículos leves e 7,73% para caminhões). Em relação à quinzena inicial de abril de 2010 houve aumento de 0,8%.

Ayrton Fontes, economista da MSantos e especialista no varejo automotivo, atribui o fôlego do mercado a fortes campanhas das montadoras em vendas a governo e frotistas, trabalho que acabou destacando a General Motors na quinzena, ultrapassando a Volkswagen no ranking. Ele explica, também, que o Novo Uno esquentou as vendas com um repique da campanha de lançamento, reforçada com o modelo de duas portas, com preço atrativo.

“É preciso considerar que o consumidor está mais endividado”, disse Ayrton a Automotive Business, provocando entre os fabricantes de veículos uma cruzada nas vendas a frotistas, que respondem por quase 20% dos emplacamentos. O especialista projeta a comercialização de 310 mil unidades no mês de abril, incluindo carros, comerciais leves, caminhões e ônibus. Em março o patamar foi de 306 mil unidades.

Vendas na quinzena

O setor comercializou 115.482 automóveis, 34.122 comerciais leves, 7.844 caminhões e 1.585 ônibus. Entre os automóveis a liderança nas vendas ficou com a Fiat (22,39%), seguida da GM (21,37%), Volkswagen (19,31%), Ford (10,55%), Renault (7,01%). A Fiat também ficou no topo do ranking de comerciais leves, com 22,02%, seguida da GM (13,87%), Volkswagen (13,10%), Ford (10,35%), Hyundai (7,01%), Mitsubishi (6,30%).

Entre os caminhões, a Volkswagen ficou com 29,12% dos emplacamentos, a Mercedes-Benz com 25,14%, a Ford 15,87%, a Volvo com 11,40%, a Scania com 9,24% e Iveco com 8,27%.

A família Uno emplacou 12.259 unidades na quinzena, batendo o Gol (11.356), Celta (7.815), Fiesta (5.607), Corsa Sedan (5.497), Fox e CrossFox (4.774), Palio (4.440), Siena (3.810), Sandero (3.589) e Agile (3.228).

A Strada manteve a ponta nas vendas de comerciais leves, com 5.533 unidades, vindo depois Saveiro (2.741), EcoSport (2.344), Montana (2.057), S10 (2.024), Hilux (1.524), Fiorino (1.096), Kombi (1.014), C3 AirCross (931) e L200 (880).



Tags: Fenabrave, MSantos, frotistas, Novo Uno, Gol.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência