Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Inovação

Ver mais notícias
Volvo Cars quer metade das vendas composta por carro elétrico até 2025
Lançamento do XC40 híbrido plug-in na China marca ofensiva de elétricos da Volvo Cars no mundo

Mercado | 25/04/2018 | 18h14

Volvo Cars quer metade das vendas composta por carro elétrico até 2025

Ofensiva tem como foco a China, maior mercado global de veículos também para elétricos

REDAÇÃO AB

A Volvo Cars quer que metade de suas vendas totais seja composta por carro elétrico, sejam eles 100% elétricos ou híbridos plug-in. A estratégia lançada no ano passado, de que todos os lançamentos a partir de 2019 serão de veículos dotados dessas tecnologias, tem como foco a China, o maior mercado de veículos do mundo, inclusive de elétricos.

Estimativa do governo local aponta que carros elétricos ou híbridos respondam por mais de 20% das vendas totais de veículos na China até 2025, o que representaria mais de 7 milhões de unidades. Neste contexto, a Volvo Cars aproveita o Salão de Pequim, que abre as portas ao público no próximo dia 20 de abril até 4 de maio, para uma façanha inédita: pela primeira vez, a marca exibe somente modelos híbridos plug in em um salão.

Na lista, estão seus três SUVs: XC90, XC60 e o novo XC40, que contará ainda com a primeira aparição pública de sua versão híbrida plug-in T5. Esta semana marca o início da produção do XC60 T8, também na Ásia, o que significa que, em breve, todas as três fábricas da marca no país – Lugiao, Chengdu e Daqing – produzirão carros plug-in híbridos ou elétricos a bateria. Atualmente, a Volvo Cars produz o S90 e o S90L T8 no país.

“Em 2017, assumimos o compromisso de eletrificar nossa gama em preparação para uma era além do motor de combustão interna”, disse Håkan Samuelsson, presidente e CEO da Volvo Cars. “Hoje reforçamos e expandimos esse compromisso no mercado mundial líder de carros eletrificados. O futuro elétrico da China é o futuro elétrico da Volvo Cars”, reforça.



Tags: Volvo Cars, carro elétrico, híbrido, vendas, China, Salão de Pequim.

Veja também

ABTV

AB Inteligência