Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Inovação

Ver todas as inovações
Moovit e Mobileye vão trabalhar juntas em soluções de mobilidade

Parcerias | 21/02/2018 | 18h41

Moovit e Mobileye vão trabalhar juntas em soluções de mobilidade

Plataforma de transportes levantou US$ 50 milhões e pretende chegar a 1 bilhão de usuários até 2021

REDAÇÃO AB

A Moovit vai trabalhar em colaboração com a Mobileye em busca de sinergias e de soluções para o futuro da mobilidade urbana. As companhias não detalharam em quais soluções devem focar, mas o acordo tem potencial para incrementar o banco de dados da Moovit, plataforma de deslocamentos que já se posiciona como o maior depósito global de informações do transporte público, com 120 milhões de usuários em 2 mil cidades de 80 países.

A já competitiva base de dados da companhia pode ganhar reforço importante com as informações que a Mobileye deve acumular no futuro. A empresa é especializada em sensores Lidar, tecnologia essencial para tornar viável os carros autônomos e poderá acrescentar à plataforma Moovit dados em tempo real das vias e do trânsito, por exemplo.

VICE-PRESIDENTE DA INTEL ASSUME POSIÇÃO NA MOOVIT



A aproximação das duas companhias de origem israelense foi mediada pela Intel, que detém o controle acionário da Mobileye e acaba de liderar a captação de US$ 50 milhões que a Moovit fez no mercado para financiar os seus próximos passos. O movimento financeiro atraiu, além da empresa de chips, outros fundos que já tinham participado das rodadas anteriores da empresa: Sequoia, BMW iVentures, NGP, Sound Ventures, BRM, Gemini, Vaizra, Vintage e Hanaco.

Além de investir na startup, a Intel vai colocar Amnon Shashua, seu vice-presidente e ainda CEO da Mobileye, no conselho de administração da Moovit, como observador. Com a rodada atual, a injeção de capital já feita na startup chega a US$ 133 milhões. A empresa pretende usar os investimentos para aprimorar produtos, expandir globalmente o time de vendas e elevar o número de usuários. Hoje a startup tem duas soluções principais. A primeira é um aplicativo para que as pessoas tracem rotas usando o transporte disponível em cada cidade, como ônibus, metrô e Uber, por exemplo.

A segunda solução é a Smart Transit Suite, plataforma que reúne os dados de deslocamentos das cidades e que pode ser usada por municípios e operadores de transporte para gerenciar suas redes.

"O Moovit espera superar 1 bilhão de usuários até 2021 e expandir significativamente o número de cidades que usam o sistema de análise de dados do Moovit para melhorar a mobilidade urbana", diz Nir Erez, cofundador da startup.

Ao se aproximar da empresa, a Intel pretende garantir posição de liderança na transformação da mobilidade urbana. “Com investimentos significativos em automação veicular, plataformas de gerenciamento de mobilidade e infraestrutura inteligente, a Intel está na vanguarda", apontou Shashua, em comunicado. "Estamos trabalhando com algumas das mais inovadoras empresas de transporte, municípios e autoridades de trânsito para construir tecnologias fundamentais críticas para esta transformação".

Tags: Moovit, Mobileye, Intel, transporte.

AB Inteligência