Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Inovação

Ver mais notícias

Tecnologia | 26/06/2018 | 16h54

Jaguar Land Rover amplia investimento para carros elétricos

Serão US$ 18 bilhões nos próximos três anos; até 2025, todos os modelos terão uma versão eletrificada

REDAÇÃO AB

A Jaguar Land Rover aumentará em 26% seu investimento para carros elétricos nos próximos três anos como parte do plano da montadora em oferecer versões eletrificadas de todos os seus modelos até 2025. Em uma reunião com investidores, dirigentes da empresa apontaram que serão aplicados o equivalente a US$ 18 bilhões (£ 13,5 bilhões). Antes, a companhia planejava investir até £ 10,7 bilhões no período.

Todas as fábricas da Jaguar Land Rover em West Midlands, Halewood e Merseyside serão adaptadas para produzir veículos com novos motores. Também está nos planos a abertura de um centro de desenvolvimento de softwares, tecnologia da informação e engenharia em Manchester, no noroeste da Inglaterra, dedicada a tecnologias para carros conectados.

O anúncio ocorre mesmo quando a montadora admite que as vendas e faturamento até março não cresceram tanto quanto o planejado, por causa da cautela de clientes tanto do Reino Unido quanto da Europa em geral em comprar veículos movidos a diesel. A companhia disse que as margens e a lucratividade estavam bem abaixo das metas internas, o que levou a um fluxo de caixa negativo após o compromisso de investimento.

O sacrifício da JLR deve sustentar os planos de eletrificação, que prevê até 2025 uma versão de todos os seus modelos, incluindo híbridos, híbridos-plug-in e veículos 100% elétricos a bateria. Segundo um porta-voz da empresa, a ideia de oferecer versões totalmente elétricas só será possível se houver demanda suficiente. No início deste ano, a Jaguar iniciou as vendas do crossover I-Pace, seu primeiro modelo totalmente elétrico.

Dados citados pela montadora indicam que os veículos a diesel representaram quase 90% das vendas europeias da empresa no Reino Unido e na Europa no último trimestre de 2017, um nível bastante alto mesmo com o desdobramento do escândalo do dieselgate que envolve desde 2015 os veículos a diesel do Grupo Volkswagen e que arrefeceu a demanda dos clientes por este tipo de motorização.



Tags: Jaguar, Land Rover, investimento, carro elétrico.

Veja também

ABTV

AB Inteligência