Automotive Business
  
ABLive

Opinião | Ivan Witt |

Ver todas as opiniões
Ivan Witt

14/03/2012

Trabalho

Além de nos preocupar demais com estabilidade, reclamamos em excesso dos problemas, que são a essência de nossa remuneração

Meu primeiro registro profissional na Carteira de Trabalho foi numa agência de mão de obra de São Caetano do Sul, Madote - Mão de Obra Temporária. Através dela, trabalhei 4 meses como prestador de serviços na Ford Ipiranga, no departamento de ações.

Tinha 18 anos e poucas habilidades profissionais, mas pude mostrar meu potencial. Consegui uma oportunidade de efetivação na empresa, onde permaneci por 20 anos. Foi numa posição horista, trabalhando na linha de produção. O registro profissional dizia, “Consertador C”.

Todo trabalho é temporário. Nos esquecemos desse fato. Alguns duram meses, outros décadas. E o que não falta numa carreira, em qualquer profissão e setor, são problemas para consertar.

A etimologia da palavra trabalho vem de tripalium, tardio em latim, um instrumento romano de tortura, formado por uma espécie de tripé de três estacas cravadas no chão, usado para supliciar os escravos. Se buscarmos no dicionário a palavra trabalhoso, encontraremos: algo difícil, custoso, cansativo. Quando alguém está em dificuldades, dizemos que esta passando trabalho.

Não é de admirar que 157.939 pessoas disputem as 246 vagas no Senado Federal. O cargo oferecer estabilidade e salário de até R$ 23.856,57 para algumas das posições ofertadas em concurso público. Já que é para passar trabalho, que a remuneração seja boa!

Fora do serviço público é bem parecido. Poucos são os que conseguem alcançar salários desse porte. Tiveram que passar no concurso da vida como empregados ou empreendedores. Com certeza eliminaram centenas de milhares de concorrentes, por demonstrarem melhor capacidade em solucionar problemas. Desfrutam de estabilidade enquanto entregam resultados positivos para as demandas que a vida profissional apresenta.

Reclamamos muito dos problemas, mas eles são a essência de nossa remuneração. E nos preocupamos demais com a estabilidade. Eu, particularmente, não gosto. Prefiro movimento, mudança, desafio, crescimento, invenção e criatividade. Nada como um bom problema para nos incentivar à superação.

Mudei muito, mas sigo temporário e consertador!

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência