Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Opinião | Ivan Witt |

Ver todas as opiniões
Ivan Witt

13/01/2012

Objetivos

Janeiro é o mês de elaborar a lista de metas para o ano

Janeiro é o mês em que elaboramos a lista de objetivos para o ano. Funciona mais ou menos assim: O líder máximo faz os seus, passa-os aos seus subordinados, que os adaptam às suas realidades, até atingirem todos os níveis da organização. Recomenda-se que não sejam muitos, de preferência cinco, e que sejam específicos e mensuráveis. Devemos revê-los com a liderança, pelo menos uma vez no meio do ano e no final dele, para ajustá-los se for necessário e para conferir até onde chegamos. Deve haver espaço também para algo mais subjetivo, como aperfeiçoar alguma habilidade individual ou do grupo, com uma mudança pessoal ou organizacional. Está feito o mapa pessoal de cada profissional.

O resumo acima não contempla a discussão entre liderança e liderados sobre as divergências do que pode ou não ser atingido, os famosos “stretch objectives”. Assunto para outras oportunidades.

Sugiro a você, colega que trabalha arduamente na entrega desses resultados, fazer uma lista adicional. Para você, não para a empresa. Devem ficar na mesma pasta, pois sem ela você não alcançará o que pretende na outra. A minha é assim:

1. Viverei! Conservarei meu bom humor, respeitarei os sinais que meu corpo envia, dormirei as horas necessárias, descansarei o suficiente e farei check-ups médicos e exercícios. Não negligenciarei minha saúde nem agredirei meu corpo com estresse, cigarro, bebidas e comidas em excesso;

2. Minha família não sofrerá com minha ausência. Sem a família, nada vale a pena;

3. Meu trabalho é fonte de prazer e um meio para transformar meus sonhos e ideais em ações. Farei o melhor que puder, eticamente, respeitando a todos os colegas, sejam eles pares, líderes ou subordinados. Não omitirei minha opinião e assumirei riscos pois eles me fazem crescer pessoal e profissionalmente. Terei postura de aprendiz para todos os assuntos, pois só assim, evoluirei. Meu ego não é nada diante da cultura coletiva da organização;

4. Tratarei a todos colegas, clientes e fornecedores, com cortesia e educação, exatamente como gosto de ser tratado. Independentemente da minha posição, para que a organização tenha êxito, todas as pessoas são igualmente importantes, demandam atenção e respeito;

5. Para os assuntos transcendentes, peço-lhe Deus, saúde. Que ilumine meu caminho e o de meus queridos para que possamos trilhar em paz e harmonia, nosso destino.

Um excelente 2012 a todos nós. Um forte abraço!

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

ABTV

AB Inteligência