Automotive Business
  
Siga-nos em:
AB Inteligência

Opinião | Francisco Sarkis |

Ver todas as opiniões
Francisco Sarkis

27/04/2020

Pandemia e o estresse de um modelo produtivo obsoleto

Angústia e depressão surgem pela falta de entendimento da realidade atual e de projeções que apontem para onde seguiremos

Quem não estava adaptado à realidade do digital sofreu mais com o surgimento da pandemia do novo coronavírus. Um mundo interconectado e não digital é o retrato da "sofrência". É preciso compreender o digital: temos uma nova capacidade aumentada de administração dos processos, a gestão e comando das pessoas na sociedade, e consequentemente dos negócios e das empresas.

Angústia e depressão surgem pela falta de entendimento da realidade atual e da projeção de cenários futuros que apontem para onde seguiremos. Tenta-se induzir o futuro a partir da mesma perspectiva de hoje, repetindo velhos hábitos, seguindo velhos modelos de gestão. É um risco muito alto.

A migração para o home office é um meio caminho para aliviar a pressão. No entanto, é a virada de chaves para o digital que pode tornar mais fácil lidar com novas pandemias, talvez mais frequentes no mundo globalizado.

Resistir às mudanças para muitos significa a preservação do legado que ocupam: cargos, empregos e profissões. Se o legado garante o ganha-pão, por que arriscar tudo e colocar o fim do mês em risco? Enquanto o cenário é estável, permanecer na média é uma opção que funciona bem quando a taxa de competitividade é baixa. No entanto, o cenário atual é de brutal concorrência. É tanta abundância de informação, cooperação e inovação que manter-se conservador pode ser muito arriscado.

O QUE MUDA NA GESTÃO DOS CLIENTES?


A internet possibilitou uma nova geração de clientes muito mais ativa, que inclusive define a qualidade do atendimento que está sendo oferecido ao próprio cliente. A reputação do serviço é medida pela nova linguagem digital (cliques, estrelas, comentários etc.). No digital, todo o mundo passa a ter mais acesso ao que antes era restrito. Como você já ouviu, conhecimento é poder.

Então, mudam as formas de administração e de organização dos processos e das pessoas para atender ao cliente. No mundo dos negócios, a consequência imediata é o empoderamento do consumidor. O nível de exposição nas mídias sociais é enorme, gerando uma pressão absurda por medo de algum arranhão na reputação pelas empresas.

A voz do cliente, que está digitalmente mais experiente, e consequentemente mais ativo, nunca foi tão ouvida agora como antes. Basta dar um like para o cliente influenciar outros na hora de decidir pela compra de determinado veículo ou marca ou modificar (leia mandar) a própria prestação de serviço das empresas, como nos Ubers – no plural mesmo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência