Automotive Business
Siga-nos em:
AB Inteligência

Opinião | Antonio Azevedo |

Ver todas as opiniões
Antonio Azevedo

19/10/2018

Startups trazem agilidade e inovação ao setor automotivo

Indústria precisa se livrar de preconceitos para tirar proveito da agilidade e flexibilidade das jovens empresas

A tecnologia e o setor automotivo sempre caminharam juntos. Foi por meio das inovações que o mercado de automóveis se manteve relevante e competitivo durante anos até se deparar com os desafios e complexidades da revolução digital. Mais do que impor novos processos produtivos, a digitalização também abriu espaço para atender necessidades dos clientes, que se tornaram ainda mais exigentes. Hoje a indústria automotiva precisa dar respostas rápidas aos consumidores, atendendo às demandas de forma precisa e imediata.

Neste cenário, a colaboração entre fabricantes de veículos e startups é uma forma de acelerar a evolução do setor e aproximar a indústria tradicional das principais tendências mundiais. Outro benefício dessa parceria é a redução de despesas, uma vez que as startups realizam projetos com mais velocidade e custos menores.

No entanto, é o fato de poder antecipar necessidades e entregar ao consumidor produtos mais alinhados às suas expectativas que faz da parceria entre startups e montadoras um sucesso. Faz parte do DNA destes jovens negócios identificar novidades e propor soluções ainda não existentes no mercado, detectando futuras demandas e colocando nas mãos da indústria soluções que trarão retorno a curto prazo. Foi a partir desse princípio que a LogiGO, por exemplo, transformou as centrais multimídias no Brasil em uma nova forma de comunicação e troca de informações entre montadoras e clientes.

Contudo, para seguir esse caminho da atualização é preciso que o setor automotivo, sobretudo as fabricantes de veículos, esteja aberto a buscar parcerias comerciais com empresas menos tradicionais, dando oportunidade para que startups e companhias derivadas desse tipo de negócio apresentem seus projetos. É preciso que a indústria deixe de lado o preconceito e tenha em mente que flexibilidade e agilidade das startups são caminhos que levarão o setor automobilístico até uma nova era de inovações.


Antonio Azevedo é CEO da LogiGO, empresa brasileira que nasceu como startup e hoje é referência em tecnologia para conectividade no setor automotivo. Fundada em 2010 e com escritórios no Brasil e na China, produz sistemas multimídias e de infotainment para montadoras do Brasil e América Latina.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência