ANÁLISE

AUTOINFORME

Empresa controla frota e oferece serviços a ciclista


Bike Registrada amplia o Cadastro Nacional de Ciclistas e Bicicletas


O Cadastro Nacional de Ciclistas e Registro de Bicicletas – que reúne informações sobre mais de 100 mil bicicletas e seus proprietários em várias cidades brasileiras – lançou um serviço que leva mais segurança aos ciclistas. Com ele, o usuário pode localizar a bicicleta furtada ou roubada e ter as suas informações vitais em um banco de dados para caso de emergências.

Assim que uma bicicleta roubada ou furtada for consultada, o aplicativo envia por SMS a localização aproximada de onde a consulta foi feita, possibilitando encaminhar as informações para a polícia.

“Nosso objetivo é fazer com que o roubo de bicicletas diminua e dificultar a venda de bicicletas roubadas, pois quem está efetuando a compra consegue checar a procedência e quem está vendendo saberá do risco de ser localizado pela polícia”, explicou Maxmuller Poeck, diretor da empresa.

Outro serviço, o Bike Vida, indica informações do ciclista, como nome, documentação, contato de emergência, ficha médica, tipo sanguíneo, alergias, doenças existentes e registro do nome de medicamentos de uso contínuo. O objetivo é que as informações fiquem disponíveis para que bombeiros, enfermeiros e médicos tenham acesso em caso de acidentes.

O Cadastro Nacional auxilia a identificação da bicicleta cadastrada, ajudando a recuperar as unidades roubadas e inibindo o comércio ilegal. O selo de segurança Bike Registrada custa R$ 39,99. Permite a consulta das informações vitais de um ciclista e fornece contatos de emergência que poderão ser acionados em caso de acidente. O site para contato é o www.bikeregistrada.com.br.

BRASIL TEM 160 MIL BLINDADOS

Se há um setor em que o Brasil avançou nos últimos é o de carros blindados. Não é tanque de guerra ou carro de combate, mas de carros de passeio blindados, cuja frota é a maior do mundo. Em 2016 morreram assassinadas no Brasil 278 mil pessoas, na guerra da Síria foram 256 mil no mesmo período.

PAPA FRANCISCO DE CARRO ELÉTRICO

O carro elétrico ganhou o apoio do papa Francisco, que vai usar um Nissan Leaf durante um ano como parte de um projeto que visa demonstrar que a tecnologia é boa para o ambiente e a economia. O carro foi doado por uma empresa alemã, que quer fazer do Vaticano um Estado com 100% de energias renováveis. A Nissan anunciou que pretende produzir o Leaf na fábrica do Rio de Janeiro.

__________________________________________________
Este artigo foi publicado originalmente na Agência Autoinforme
joelleite@autoinforme.com.br

Comentários: 1
 

Eduardo Abramovay
15/03/2017 | 11h45
Joel Leite. Sua informação é incorreta. Esse número refere-se à quatro anos: "Número de homicídios no Brasil é maior do que o de países em guerra Na Síria, em 4 anos, morreram 256 mil pessoas. No Brasil, quase 279 mil." O número anual é em torno das 60.000 pessoas. O mesmo que no trânsito, apesar das cifras oficiais, desmentidas pelos reembolsos de DPVAT e por estudos. O problema com as estatísticas de trânsito é que não consideram o cara que vai morrer em um mês de falência múltipla de órgãos.

Comente este artigo

Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de questões técnicas ou comerciais. Os comentários serão publicados após análise. É obrigatório informar nome e e-mail (que não será divulgado ao público leitor). Não são aceitos textos que contenham ofensas, palavras chulas ou digitados inteiramente em letras maiúsculas. Também serão bloqueados currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
Seu nome*: Seu e-mail*: